Conecte-se agora


Economia

Bolsonaro diz que economia dá sinais de recuperação

O presidente Jair Bolsonaro disse hoje (6) que a economia está dando sinais de recuperação e destacou as ações já realizadas pelo seu governo para atrair investimentos para o país. Ele também reafirmou o seu trabalho para desburocratizar processos para os empresários. A declaração foi feita durante a abertura do 29º congresso da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores, em São Paulo.

Entre as ações de estímulo à economia que o presidente ressaltou, estão a liberação de recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os trabalhadores e a medida provisória (MP) que garante a antecipação do pagamento da metade do décimo terceiro salário para os aposentados e pensionistas todos os anos.

Bolsonaro informou também a assinatura feita ontem (5), de uma MP sobre a divulgação de documentos de empresas de capital aberto, que permite que empresários possam publicar seus balanços a custo zero em sites da Comissão de Valores Mobiliários ou no Diário Oficial da União. “As grandes empresas gastavam com jornais R$ 900 mil por ano. Vão deixar de gastar isso aí”, comentou.

*Metro1

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

BC amplia estratégia de venda de dólares para intervir no câmbio

O Banco Central (BC) anunciou na noite desta sexta-feira (23) que irá ampliar a estratégia de uso dos dólares das reservas internacionais para intervir no câmbio. Seguindo esse plano, desde a quarta-feira (21), o BC está transacionando cerca de US$ 550 milhões por dia para segurar o câmbio.

A estimativa é de que ao longo do mês de setembro, a entidade deve trocar até US$ 11,6 bilhões de contratos de swap (venda de dólares no mercado futuro) em circulação no mercado por recursos das reservas externas. Anteriormente, o BC utilizava os contratos de swap cambial para atuação no mercado do futuro e segurar o dólar em momentos de instabilidade.

Aplicando a estratégia, o Banco Central venderá até US$ 3,845 bilhões das reservas. A venda direta do dólar reduz o seguro externo contra crises, no entanto, diminui os juros da dívida pública em períodos marcados por crises fiscais. Em sua maior cotação em quase um ano, o dólar fechou em R$ 4,124 nesta sexta-feira. Fonte: Metro1

Continue Lendo

Economia

Novas empresas vão investir R$ 608 milhões no interior da Bahia

Investimentos de R$ 608 milhões de quatro novos empreendimentos vão beneficiar os municípios de Camaçari, Maracás e Sento Sé com a geração de 364 empregos diretos. O anúncio foi feito por representantes de empresas dos ramos de Mineração, Eletricidade e Gás, Petroquímico e Plástico, durante a assinatura de protocolos de intenções na Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado (SDE).

O chefe de Gabinete e secretário em exercício da SDE, Luiz Gugé, falou sobre os investimentos. “Um dos procedimentos que passamos a executar foi a assinatura de protocolos com empresas de setores diferentes, para modernizar e dar mais celeridade ao atendimento. Acreditamos que isso ajuda a fomentar novos negócios e aumentar o network entre os empresários que investem no nosso Estado”.

Parque eólico em Sento Sé

Segundos dados da SDE, os segmentos de Eletricidade e Gás serão responsáveis pelo maior investimento: R$ 495 milhões na construção de três parques eólicos da Brennand para a geração de energia elétrica no mercado livre. Devem ser gerados 250 empregos diretos e um mil indiretos na construção civil das usinas Umburana de Cheiro, Serra do Fogo e Serra do Vento, no município de Sento Sé. Os novos parques devem entrar em operação em janeiro de 2021.

“A Bahia tem uma característica excepcional, tanto de vento quanto de sol. Em razão disso, nós decidimos fazer investimentos aqui. Mas preciso destacar o trabalho da SDE. Eu fico impressionado como o Estado da Bahia nos recebe e presta um atendimento rápido e eficiente, sempre pronto a nos ajudar. O atendimento do INEMA (Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos) também é de altíssima qualidade, exigente como deve ser, mas sempre tendo uma postura proativa”, afirmou o diretor da Brennand, Adelson Ferraz.

Mineração em Maracás

No segmento de Mineração, a Vanádio de Maracás, do grupo Largo Resources, que produz 7% da demanda mundial de pentóxido de vanádio e exporta 100% do seu produto, vai investir R$ 83 milhões na ampliação e modernização da planta mineiro-industrial no município de Maracás. De acordo com o diretor da empresa, Nilson Chaves, os equipamentos já chegaram e estão sendo instalados e testados. “Em setembro, já sentiremos melhora na produção e, no início de 2020, devemos atingir o aumento de 37% previstos. Vamos manter os 373 empregos existentes e promover a geração de 25 novos empregos diretos”.

Investimentos em Camaçari

A Birla Carbon, do segmento Petroquímico, está investindo R$ 23 milhões na modernização de suas instalações com a tecnologia de manufacturing 4.0., de acordo com o presidente da empresa na América do Sul, Ronaldo Duarte. A unidade de Camaçari é a planta com a automação mais avançada do grupo no mundo. O investimento será destinado, também, a uma nova linha de produtos da matéria-prima negro de fumo, que antes só era produzida na planta de Cubatão, no Estado de São Paulo. A perspectiva é que a ampliação esteja em pleno funcionamento até o final do ano e sejam produzidas duas mil toneladas por ano da nova linha, que será destinada ao setor de plástico em geral, artefatos de borrachas e pneus.

“Camaçari foi escolhida como planta piloto. Um dos projetos de digitalização feito aqui por nossa mão de obra local será aplicado em todas as nossas plantas no mundo. Mais de 90% de nossas vendas são feitas para clientes localizados na Bahia e a modernização aumentará nosso volume de vendas dentro do próprio estado. Projetamos uma perspectiva de crescimento dos nossos clientes também já que, com nossa produção local, eles terão disponibilidade de atender um volume maior no Brasil e aumentar suas exportações”, explicou Ronaldo Duarte.

Já a THD Indústria e Comércio de Materiais Plásticos, que tem 15 anos de mercado, vai investir R$ 7 milhões na ampliação de sua unidade industrial em Camaçari. “Graças ao apoio de uma grande empresa, vamos trabalhar recuperando a matéria prima de grandes indústrias e fabricaremos big bags de ráfia, que voltarão para as próprias fábricas, ao invés de virar lixo e poluir o meio ambiente. Teremos capacidade de produzir 1,2 mil unidades por ano”, afirma o sócio do grupo, Eron Evangelista. (ATarde)

Continue Lendo

Economia

Mega-Sena: ninguém acerta as seis dezenas e prêmio acumula

Ninguém acertou as seis dezenas do sorteio de ontem (21) da Mega-Sena e o prêmio acumulou. Agora, a quantia subiu de R$ 31 milhões para R$ 35 milhões. 

O concurso 2.181 sorteou a seguinte sequência de números: 01-08-19-33-36-48. Já a Quina saiu para 138 apostadores, com prêmio individual de R$ 19.778,72. 

O próximo sorteio será no sábado (24). Para participar basta ir a qualquer lotérica do país ou acessar o site Loterias Caixa. A aposta mínima, de 6 números, custa R$ 3,50. (Metro1)

Continue Lendo

Bahia

BNB prepara pacote especial para agricultores da Bahia

Um pacote de incentivos exclusivos para os agricultores baianos. Nas próximas semanas, o Banco do Nordeste (BNB) vai lançar uma série de novas regras de apoio aos produtores rurais do estado. A medida, que demonstra o potencial de expansão do agronegócio na Bahia, foi confirmada pelo presidente do BNB, Romildo Carneiro Rolim.

As novas regras serão apresentadas até o dia 15 de setembro. Uma delas envolve o processo de desembolso dos financiamentos e a validade dos laudos técnicos. Geralmente eles são exigidos para garantia do pagamento e liberação do crédito. Entre outras ações, o banco promete reduzir a quantidade de visitas técnicas obrigatórias para liberação dos recursos.

O setor agro já representa cerca de 45% da carteira de clientes do BNB. Entre janeiro e junho deste ano, o banco aplicou na Bahia cerca de R$ 3,8 bilhões. Foram realizadas 404 mil operações de crédito no estado, com clientes rurais e urbanos. O volume é cerca de 5% maior do que o realizado no mesmo período de 2018.

Nos seis primeiros meses do ano, foram investidos R$ 13,4 bilhões em toda a área de atuação do banco, que abrange a região Nordeste, o Norte de Minas Gerais e o Espírito Santo. Apenas em junho, os produtores rurais contrataram mais de R$ 1,1 bilhão através do programa Agroamigo.

Fonte: Correio.

Continue Lendo

Economia

Além dos Correios, governo vai privatizar EBC, Casa da Moeda e Eletrobras; veja lista

A lista de 17 estatais que serão privatizadas pelo governo do presidente Jair Bolsonaro inclui, além dos Correios, companhias como a Empresa Brasil de Comunicação, a Casa da Moeda, a Telebras e a Eletrobras.

A relação foi divulgada hoje (21) pelo site Poder360 e replicada pela líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP).

Confira a lista:

– EBC (Empresa Brasil de Comunicação)
– Casa da Moeda
– Telebras
– Correios
– Eletrobras
– Codesp (Companhia Docas do Estado de São Paulo)
– Emgea (Empresa Gestora de Ativos)
– ABGF (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias)
– Serpro (Serviço Federal de Processamento de Dados)
– Dataprev (Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência Social)
– Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo)
– Ceasaminas (Centrais de Abastecimento de Minas Gerais)
– CBTU (Companhia Brasileira de Trens Urbanos)
– Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A.)
– Codesa (Companhia Docas do Espírito Santo)
– Ceitec (Centro de Excelência em Tecnologia Eletrônica Avançada)
– Lotex (Loteria Instantânea Exclusiva)

Continue Lendo

Mais Lidas