Conecte-se agora

Famosos

Famoso por papeis no ‘Zorra’, ator João Carlos Barroso morre aos 69 anos vítima de câncer


O ator João Carlos Barroso morreu aos 69 anos na noite desta segunda-feira (12) após complicações de um câncer. A notícia foi confirmada por amigos do artista nas redes sociais. “É com imensa tristeza que recebo esta notícia […] Que Deus o receba em seu reino de luz. Meus sentimentos à família”, lamentou o ator Mario Cesar Nogueira.

O artista estreou no cinema em 1961 no filme “Pedro e Paulo”. Na Globo, ele ficou conhecido pelas atuações em novelas, além de participações em “Os Trapalhões” e “Zorra Total”. Seu trabalho mais recente nas telinhas foi em 2016, na novela Sol Nascente, na qual deu vida ao delegado Mesquita. (BN)

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Famosos

Caetano Veloso cobra R$ 2,8 milhões de Olavo de Carvalho por acusação de pedofilia


O cantor Caetano Veloso cobra do escritor Olavo de Carvalho, ideólogo do presidente Jair Bolsonaro, a quantia de R$ 2,8 milhões por descumprimento de decisão judicial.

Olavo não cumpriu a decisão da justiça de excluir de suas redes sociais “mensagens que relacionem o cantor à pedofilia”. As mensagens seriam relacionadas ao início do namoro dele com a produtora Paula Lavigne quando ela tinha 13 anos – músico tinha 40.

O juiz determinou que Olavo removesse o conteúdo sob pena diária de R$ 10 mil. Como Olavo não excluiu todos os conteúdos ofensivos, a defesa de Caetano fez um cálculo de dias, contando a partir de 48h após sua intimação da decisão da tutela, e chegou ao número de 281 dias de desobediência à ordem judicial, resultando numa multa de R$ 2,8 milhões.

De acordo com a advogada de Caetano, Simone Kamenetz, após ser intimado, Olavo terá 15 dias para pagar. “Ele não pode mais recorrer da sentença, pois perdeu o prazo para a apelação”.

(Bahia.Ba)

Continue Lendo

Famosos

Após ataques a DiCaprio, Mark Ruffalo critica ‘políticas (não) ambientais’ de Bolsonaro


Após o presidente Jair Bolsonaro insinuar, sem apresentar provas, que Leonardo DiCaprio estaria envolvido em queimadas na Amazônia, o ator Mark Ruffalo defendeu o colega e criticou a postura do governo brasileiro.


“Bolsonaro e sua turma usam como bode expiatório as mesmas pessoas que protegem a Amazônia dos incêndios que ele próprio permitiu que acontecesse”, comentou o artista em suas redes sociais. “Pergunte a si mesmo: o que mudou recentemente no Brasil para que isso aconteça agora? Bolsonaro e suas políticas (não) ambientais”, questionou o ator.
*Bahia Notícias.

Continue Lendo

Famosos

Vencedora do BBB 4, Cida perdeu prêmio de R$ 500 mil e hoje divide quitinete com três pessoas


Gecilda da Silva dos Santos, 36, ficou conhecida no Brasil como Cida ao participar e vencer a quarta edição do BBB. O que era uma história que prometia um final feliz passou por várias reviravoltas, que acabaram levando a ex-babá a perder os R$ 500 mil que ganhou no reality, incluindo uma casa que adquiriu com o valor da premiação. 

Assim que deixou a atração, Cida precisou contratar um advogado, pois um ex-companheiro reivindicava parte do prêmio. Além disso, ela foi fiadora de uma ex-assessora e emprestou dinheiro a parentes e amigos, incluindo um ex-BBB, que não a ressarciram. A impressionante história foi contada na edição desse domingo (1) do programa Domingo Show (RecordTV).  


“Conheci uma pessoa, que se dizia assessora, e ela pediu para ser fiadora de uma casa para ela no [bairro carioca do] Recreio. Resumindo tudo, essa pessoa não pagou o aluguel do imóvel e me colocaram na Justiça”, disse a ex-BBB. 

Cida contou, entre lágrimas, ter negociado com a dona da residência que reformaria a casa e, em contrapartida, teria seu nome retirado do processo. “Gastei o dinheiro todo que tinha e ela não tirou. Fiz a reforma e ela agiu de má-fé”. A ex-babá acabou usando uma casa com piscina e varanda em Mangaratiba, no Rio de Janeiro -único bem que comprou com o prêmio do BBB- para quitar as dívidas que foram contraídas. 


Atualmente, Cida vive em uma quitinete com o marido e dois filhos de relacionamentos anteriores. Sem emprego fixo, ela vende bolo de pote para ajudar nas despesas, custeadas em grande parte pelo salário de R$ 1.500 que o companheiro ganha como motoboy. Parte dos móveis usados no imóvel foram doados por Solange, colega de confinamento no reality. 


Cida relembrou que era muito jovem ao deixar a atração e diz não se conformar em ter pedido tudo, mas que deseja ter de volta o imóvel de Mangaratiba. “Meu maior sonho é recuperar a minha casa. Fiquei um ano sem passar em frente. Agora já consigo passar na rua. Só a sala da minha casa era maior que esses cômodos daqui”, disse comparando com a atual residência. (FolhaPress)

Continue Lendo

Mais Lidas