Conecte-se agora


Esporte

Neymar marca em retorno, e Brasil empata amistoso com a Colômbia nos EUA

No primeiro compromisso após a conquista da Copa América, o Brasil empatou por 2 a 2 com a Colômbia na noite desta sexta-feira (6) no Hard Rock Stadium, em Miami, nos Estados Unidos. A partida marcou o retorno de Neymar, que não atuava desde 5 de junho, quando lesionou o pé direito em amistoso contra o Qatar.

A volta do camisa 10 foi com brilho, apesar da falta de ritmo de jogo. Neymar deu a assistência para Casemiro abrir o placar e deixou o seu início do segundo tempo. Muriel foi o autor dos dois gols do time colombiano.

O Brasil joga novamente na madrugada de terça para quarta-feira. À meia-noite (horário de Brasília), a seleção brasileira tem novo amistoso nos EUA, desta vez contra o Peru, em Los Angeles.

A partida começou com pressão da Colômbia, mas foi o Brasil quem saiu na frente. Antes dos 15min, o time colombiano já havia criado boas chances com Mina e Zapata pelo alto, e finalização de Cuadrado de fora da área. Aos 19, no entanto, Neymar cobrou escanteio da direita e encontrou Casemiro, que completou de cabeça para o gol.

A vantagem brasileira, no entanto, durou pouco. Aos 25min, Alex Sandro cometeu pênalti em Muriel, que cobrou para igualar o placar. O atacante colombiano voltou a marcar aos 34, quando recebeu pelo lado direito da área e bateu forte para o gol.
No segundo tempo, o Brasil foi em busca do empate. O gol da igualdade saiu dos pés de Neymar, que completou cruzamento de Daniel Alves aos 14 minutos.

Na volta aos gramados após três meses, Neymar teve atuação decisiva. O atacante foi o autor da assistência para o gol de Casemiro e ainda deixou o dele no início do segundo tempo -foi a 61ª vez que o atacante marcou com a camisa da seleção.
Vale lembrar que antes do jogo desta sexta, Neymar havia atuado apenas dez vezes em 2019 -uma partida pela seleção brasileira e nove pelo Paris Saint-Germain.

Em uma noite que a defesa brasileira não teve a sua melhor atuação, Alex Sandro foi quem mais sofreu diante da Colômbia. O lateral cometeu pênalti claro ao esticar o demais o pé e atingir o atacante Muriel no peito. Pouco depois, foi pelo lado esquerdo que a Colômbia chegou ao gol da virada ainda no primeiro tempo.

O Brasil teve dificuldade para impor o melhor ritmo em campo na noite de hoje. Muito em função da atuação pouco inspirada do setor de meio-campo. Arthur combateu pouco e não chegou com perigo ao ataque. Casemiro e a dupla Marquinhos e Thiago Silva acabaram sobrecarregados e sofreram com as investidas colombianas, principalmente no primeiro tempo. No ataque, Philippe Coutinho teve partida apagada.

O cenário melhorou um pouco na volta do segundo tempo, mas ainda assim a Colômbia teve espaços e oportunidades para chegar ao terceiro gol.

Um fato raro aconteceu na partida de hoje. Pela primeira vez desde a eliminação para a Bélgica na Copa do Mundo de 2018, o Brasil sofreu mais de um gol. O revés, inclusive, também foi o último sofrido pela seleção.

Além disso, desde a queda nas quartas de final do Mundial da Rússia, a defesa brasileira havia sido vazada apenas três vezes em 16 jogos.

O resultado desta sexta poderia ter sido diferente se o amistoso contasse com a tecnologia do árbitro de vídeo. Aos 28 minutos, Neymar foi empurrado em disputa de bola com Sánchez dentro da área, mas o juiz não marcou a penalidade. O curioso é que os jogadores da seleção brasileira apontavam para o telão do estádio, que mostrava o replay do lance. Sem o VAR, no entanto, prevaleceu a primeira decisão do árbitro.

Antes de a bola rolar, a partida teve um minuto de silêncio em respeito às mortes de Danilo Feliciano de Morais, filho do ex-jogador Cafu, e do argentino Andrada, goleiro que sofreu o milésimo gol de Pelé. Ambos morreram na última quarta-feira (4).

Além disso, outro momento que marcou os minutos que antecederam o apito inicial foi a presença do garoto Nickollas, que entrou em campo ao lado de Neymar. O menino, que é palmeirense, e sua mãe, Silvia Grecco, ganharam fama graças a um gesto nobre, repetido em todas as partidas dos dois no Allianz Parque. Silvia narra os jogos para o filho cego em pleno estádio.

Estádio: Hard Rock Stadium, em Miami (EUA)
Juiz: Ismail Elfath (EUA)
Público: 65.232 presentes
Cartões amarelos: Casemiro (B)

Gols: Casemiro (B), aos 19min do 1º tempo; Muriel (C), aos 25 e 39min do 1º tempo; Neymar (B), aos 14min do 2º tempo.

BRASIL
Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Philippe Coutinho (Bruno Henrique); Richarlison (David Neres), Neymar e Roberto Firmino (Lucas Paquetá). T.: Tite.

COLÔMBIA
David Ospina; Stefan Medina (Orejuela), Dávinson Sánchez, Yerry Mina, William Tesillo; Wílmar Barrios, Mateus Uribe (Lerma), Juan Guillermo Cuadrado (Yairo Moreno); Luis Muriel (Berrío), Duván Zapata (Borré) e Róger Martínez (Luis Díaz). T.: Carlos Queiroz. Fonte: Folhapress

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

Carlos Amadeu é demitido do Vitória após derrota contra o São Bento

Carlos Amadeu não é mais o técnico do Vitória. A notícia foi divulgada por ele mesmo, em sua conta no Instagram, nesta quarta-feira (18/9). “Saio do comando técnico do clube de cabeça erguida”, escreveu. Ele disse que foi comunicado do desligamento no retorno da delegação a Salvador, hoje, após derrota contra o São Bento, em São Paulo, na terça-feira (17/9).

“Em um período curto, creio que a gente tenha conseguido criar um padrão de jogo mesmo com as dificuldades. Foram nove jogos, com três triunfos, quatro empates e apenas duas derrotas, alcançando um aproveitamento de 48% (que hoje colocaria o Vitória entre os dez primeiros na tabela da Série B). Como falei, foi um período curto, mas que fizemos o nosso melhor todos os dias. Obrigado ao clube pela oportunidade e à torcida pelo apoio sempre que estive à beira do gramado”, completou. Fonte: Aratu On

Continue Lendo

Esporte

Brasil garante vaga na semifinal do Mundial de Boxe, na Rússia

O peso médio Hebert Conceição, medalha de prata no Pan de Lima, se classificou nesta manhã para a semifinal do Mundial de Boxe ,em Ecaterimburgo, na Rússia: o baiano, de apenas 19 anos, derrotou o italiano Salvatore Cavallaro, no duelo pelas quartas de final, na categoria 75Kg, e agora é o único representante brasileiro na competição. Com a vitória – por 4×1, decida pelos juízes –  o brasileiro já tem assegurada a medalha de bronze, pois não há disputa de terceiro lugar no boxe.

O adversário do jovem baiano na semifinal, sexta-feira (20), será o anfitrião russo Glev Bakshi, que nesta manhã despachou o cubano Arlen López Cardona, ouro no Pan de Lima, após vencer o embate contra Hebert Conceição: com a derrota o brasileiro foi prata no Pan.

Para chegar às quartas de final do Mundial, na Rússia, o peso médio brasileiro passou pelo alemão Andrej Mersljakov e pelo uzbeque Fanat Kakhramonov, com vitórias apertadas: em ambas venceu por 3×2. Mas hoje (18) a história foi diferente: o baiano venceu com folga Salvatore Cavallaro, pro 4×1, e ganhou moral para a luta contra o russo Bakshi, oitavo cabeça de chave, na semifinal, sexta-feira (20).

Já o peso leve (até 64Kg) Wanderson “Sugar” de Oliveira, perdeu a chance de conquistar mais uma medalha para o país: o carioca foi eliminado da competição após perder nas quartas de final o indiano Manish Kaushik, por decisão unânime dos juizes (5×0).

O Mundial de Boxe, promovido pela Associação Internacional de Boxe (Aiba), reúne 450 atletas, de 87 países. Ao todo sete brasileiros começaram a disputa, mas apenas o baiano Hebert Conceição segue na briga. O mundial não classificara para a Olimpíada de Tóquio 2020. (Agência Brasil)

Continue Lendo

Esporte

Vitória dá vexame e perde para lanterna São Bento por 2 a 0

O Vitória deu um novo vexame nesta terça-feira (17) ao perder por 2 a 0 para o São Bento, então lanterna da Série B, na partida disputada no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba-SP. O confronto foi válido pela 23ª rodada da competição. O primeiro gol foi marcado pelo atacante Rodolfo ainda no primeiro tempo, enquanto o segundo ocorreu na etapa final, em cabeçada de Gerson após cobrança de escanteio.

Jogando mal, o rubro-negro somou mais uma derrota e ficou próximo da zona de rebaixamento. O Vitória tem agora 24 pontos, na 15ª posição, e está a um ponto do Z-4 da competição. Já o São Bento venceu um jogo após quatro partidas e deu um salto, deixando momentaneamente a lanterna do torneio, estacionando no 17º lugar.

O próximo compromisso do Leão da Barra é diante do Atlético-GO, na Arena Fonte Nova, na próxima terça-feira (24), às 21h30. (Metro1)

Continue Lendo

Esporte

Após derrota para o Guarani, Vitória se reapresenta e treina na Toca

Sem folga neste domingo (15), o elenco do Vitória se reapresentou na Toca. Após a derrota para o Guarani, o Rubro-Negro iniciou a preparação para o duelo com o São Bento, na próxima terça-feira (17), fora de casa.

Os atletas que iniciaram o confronto com o Bugre fizeram Recovery (recuperação física) e musculação na academia. Apenas Martín Rodríguez treinou em campo.

O goleiro e os demais jogadores participaram de um trabalho de movimentação ofensiva com cruzamentos e finalizações. Em seguida, o técnico Carlos Amadeu comandou um jogo de 9 x 9 em campo reduzido.

Nesta segunda (16), o grupo treina pela amanhã e, à tarde, segue viagem para São Paulo. Não viajarão para a partida o volante Lucas Cândido, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, e o meia Felipe Gedoz, suspenso por expulsão.

Continue Lendo

Esporte

No duelo de tricolores nordestinos, Bahia empata com o Fortaleza na Fonte Nova

O duelo entre tricolores nordestinos na Série A do Brasileirão terminou com o placar igualado. Na tarde de hoje (15), na Fonte Nova, Bahia e Fortaleza empataram pelo placar de 1×1. Gilberto e Felipe Pires marcaram os gols da partida.

O Fortaleza surpreendeu e abriu o placar aos 9 minutos. Osvaldo deu assistência e Felipe Pires encobriu Douglas. Mas o Bahia não demorou para reagir. Aos 13 minutos, Gilberto cobrou pênalti e deixou tudo igual no placar.

Com o empate, o Bahia permanece na 7ª colocação com 31 pontos conquistados. O tricolor baiano volta a campo no próximo sábado (21), às 19h, para enfrentar o Corinthians. O jogo será na Arena Corinthians. *Metro1

Continue Lendo

Mais Lidas