Conecte-se agora

Brasil

Cunhado de Ana Hickman é absolvido por morte de fã; “justiça foi feita”


Nesta terça-feira (10/9), a justiça absolveu Gustavo Corrêa, cunhado da apresentadora Ana Hickmann, pelo assassinato de um fã dela, em 2016. Na época, Rodrigo Augusto de Pádua planejou um atentado contra a modelo, em um hotel da cidade de Belo Horizonte.

Gustavo foi absolvido por unanimidade pelos desembargadores, que classificaram o caso como legítima defesa. A apresentadora comentou o assunto nas redes sociais: “Mais uma vez a justiça foi feita […] Obrigada por todos que oraram, por todos que torceram, obrigada por cada mensagem de apoio e carinho. Agradeço ao nosso advogado pelo trabalho excepcional, por ter defendido o Gustavo e por ter trazido de volta pra nossa casa a paz”.

RELEMBRE

Ana Hickmann sofreu um atentado do suposto fã em Belo Horizonte em maio de 2016. O crime aconteceu dentro de um hotel no Belvedere, zona sul da capital mineira. Corrêa matou Pádua, após ele ter atirado contra sua mulher, Giovana Oliveira, assessora da apresentadora.

O cunhado de Hickmann foi denunciado pelo MP por homicídio doloso, quando há intenção de matar. O argumento do promotor Francisco Santiago é que, como Rodrigo foi morto com três tiros na nuca, houve excesso de legítima defesa e se configura um crime de homicídio. Fonte: Aratu On.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Número de inadimplentes cresceu em novembro de 2019


O total de inadimplentes registrado em novembro de 2019, cresceu em relação ao ano anterior, de 62,6 milhões de pessoas para 63,8 milhões. Segundo o Serasa Experian os dados anualizados apontam queda de 3,3%, quando em novembro de 2018 o volume de dívidas atrasadas e negativadas chegava a 234,4 milhões e caiu para 226,6 milhões, nos 12 meses seguintes.

De acordo com o Serasa, em novembro de 2018, cada pessoa inadimplente deixou de honrar, em média, o pagamento de 3,7 contas. A proporção foi reduzida para 3,5 contas em 2019.

As dívidas negativadas podem gerar a inclusão do nome da pessoa inadimplente em listas mantidas por instituições de proteção de crédito, o que impede a obtenção de empréstimos e financiamentos.
*Metro1.

Continue Lendo

Brasil

MP denuncia ex-presidente da Vale, mais 15 pessoas e duas empresas por homicídio doloso


O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) denunciou, nesta terça-feira (21), o ex-presidente da Vale, Fabio Schvartsman, mais 15 pessoas e as empresas Vale e TÜV SÜD pelo crime de homicídio doloso (no que existe a intenção). 

A força-tarefa que investiga o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho distribuiu a denúncia para a Justiça. A barragem I da Mina do Córrego do Feijão se rompeu quase um ano atrás, no dia 25 de janeiro de 2019, deixando 270 vítimas. Destas, 259 foram identificadas pela Polícia Civil de Minas Gerais. Os bombeiros procuram 11 desaparecidos, na maior operação de buscas do país.

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) falará sobre outros detalhes das denúncias em coletiva nesta tarde.

Em nota, a TÜV SÜD disse que está oferecendo “cooperação às autoridades e instituições no Brasil e na Alemanha no contexto das investigações em andamento” , de acordo com o G1.
*Bahia Notícias.

Continue Lendo

Brasil

Caso Regina Duarte aceite cargo na Secretaria da Cultura terá que pedir demissão da Globo


Na edição do Jornal Nacional (TV Globo), desta segunda-feira (20), o âncora William Bonner informou através de uma nota divulgada pela emissora, que caso a atriz Regina Duarte opte pelo cargo na Secretaria de Cultura terá que se desligar do grupo.

“A atriz Regina Duarte tem contrato vigente com a Globo e sabe que se optar por assumir cargo público deve pedir a suspensão de seu vínculo com a empresa, como impõe a nossa política interna de conhecimento de todos os nossos colaboradores”, relatou.

O convite foi pelo Presidente Jair Bolsonaro, na última sexta-feira (20)através de uma ligação para Regina. A atriz informou que passará esta terça (21), no local, afim de familiarizar com ambiente, porém não deixou claro se aceitou ou não a proposta.

O ator Lima Duarte ironizou a nomeação da colega para a Secretaria. Os dois interpretaram o casal, ‘Sinhozinho e Porcina’ na novela ‘Roque Santeiro’, de 1985.

(Varela Notícias)

Continue Lendo

Mais Lidas