Conecte-se agora

Amargosa

Amargosa: cortes no orçamento da UFRB gera demissões, paralisação de programas e redução de atividades

Centro de Formação de Professores. Foto: AmargosaNews.

Os impactos do bloqueio de verbas pelo Ministério da Educação (MEC) começam a mudar a rotina do Centro de Formação de Professores (CFP), campus da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), em Amargosa. Demissões de terceirizados, paralisação de programas de pesquisa e extensão, redução do funcionamento e outras medidas serão necessárias em todos os campus da UFRB para ajustar as contas devido ao corte de 36% em seu orçamento feito pelo governo federal.

Uma reunião foi realizada na manhã desta sexta-feira (04), com a presença de toda a comunidade acadêmica, onde foi apresentada a proposta de redução de despesas e o posicionamento da direção. As demissões devem atingir setores como limpeza, motoristas, seguranças, entre outros. Atualmente o CFP possui 51 trabalhadores terceirizados. Os cortes devem atingir quase 50% desse quadro, ou seja, cerca de 25 trabalhadores ficarão desempregados, conforme informações apuradas pela reportagem do AmargosaNews.

As Universidades Federais incluem o pagamento dos trabalhadores terceirizados como parte do custeio para sua manutenção, assim como contas de luz e água e aluguel de imóveis. As demissões estão inclusas como corte de gastos e já devem ocorrer ainda neste mês de outubro. Em Amargosa, o funcionamento de projetos como Casa do Duca, Tecelendo, entre outros, também devem ser atingidos pelo corte no orçamento.

No fim de setembro, quase R$ 2 bilhões foram liberados à educação pelo governo federal, porém o número ainda é insuficiente, visto que em abril deste ano o bloqueio de verbas chegou a R$ 5,8 bilhões. Todas as universidades federais, assim como a Universidade Federal da Bahia – UFBA se vêem obrigadas a tomarem medidas de redução de seu custo operacional, para continuar funcionado mesmo que em condições aquém do essencial.

A comunidade acadêmica planeja uma série de mobilizações para evitar que esses impactos comprometam o funcionamento do Centro de Formação de Professores. “Não vamos aceitar esse absurdo, é um retrocesso muito grande e os impactos sociais e econômicos serão sombrios”, disse um dos estudantes à nosso repórter.

Os impactos dos cortes serão notórios, tanto na área econômica, quanto na social em Amargosa. Para saber o posicionamento da gestão do Centro, entramos em contato com o vice-diretor eleito Prof. Dr. Tiago:

“O CFP tem sido, ao longo desses anos, um importante marco no desenvolvimento intelectual, regional e econômico de Amargosa e Região. Para que a população tenha uma dimensão: o que seria Amargosa sem os mais de 150 professores, 47 servidores técnicos, mais de 50 servidores terceirizados e 1.500 alunos? Já imaginaram o que isso significa em padarias, alugueis de casa, supermercados, pousadas e outros?”

A diretora eleita do Centro de Formação de Professores, Profa. Dra. Creuza Silva também falou sobre os cortes e levantou a bandeira da resistência.

Os cortes anunciados em março, que agora se concretizam, inviabilizarão uma série de atividades e espaços construídos pela comunidade do CFP. Mas este CFP foi conquistado com muita luta e tenho certeza que a comunidade do CFP e a população de maneira geral saberá resistir a este retrocesso”

Da Redação AmargosaNews.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Amargosa

Amargosa: Prefeitura alerta sobre casos recorrentes de acidentes com escorpiões e aponta medidas preventivas


Com a chegada do verão inicia-se o período de maior risco para o aparecimento de escorpiões e, consequentemente o aumento no número de casos de acidentes por picada deste inseto.

Atrelado a este aumento de casos de picadas por escorpiões, segundo Boletim Epidemiológico do Ministério da Saúde de novembro de 2019, o cenário em nosso país é de desabastecimento dos soros que tratam do acidente. Esse é um tipo de medicamento que apenas o Ministério da Saúde pode fornecer, deixando todos os estados e municípios do Brasil sem este medicamento.

Como o habitat natural dos escorpiões são locais com clima úmido e quente, esses animais gostam de se esconder em esgotos e entulhos. Locais com acúmulo de lixo também costumam trazer riscos. Por isso, alertamos para algumas medidas de prevenção:

Use telas em ralos no chão, pias e tanques;

Procure vedar possíveis frestas nas paredes

Afaste camas e berços das paredes;

Faça uma checagem em roupas e sapatos antes de vestir ou calçar, para se certificar de que nenhum inseto entrou;

Mantenha jardins e quintais livres de entulhos, folhas secas e lixo doméstico;

Guarde o lixo da casa em sacos bem fechados, pois os resíduos podem atrair baratas, que servem de alimento para o escorpião;

Evite colocar a mão em buracos, embaixo de pedras ou em troncos apodrecidos;

Use luvas e botas para manusear entulho e materiais de construção, por exemplo;

Se morar em área rural, procure preservar os predadores dos escorpiões: lagartos, sapos, e aves noturnas, como as corujas;

Evite usar pesticidas, pois eles não têm eficácia comprovada para controlar o animal em ambientes urbanos.

Caso seja registrado algum acidente causado por escorpião, mesmo após a realização dos procedimentos preventivos é recomendado procurar imediatamente o Hospital Municipal onde o paciente será avaliado e mantido em observação para controle de evolução do quadro.

Continue Lendo

Amargosa

CFP: assinada a ordem de serviço para reforma da antiga delegacia em Amargosa


Foi assinada na manhã desta sexta-feira(17), a ordem de serviço para reforma do histórico prédio da antiga delegacia, localizado em frente à Praça do Cristo, em Amargosa. O local será sede do projeto de extensão CAsAdoDUCA do Centro de Formação de Professores, Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Estiveram presentes no evento o reitor, Prof. Dr. Fábio Josué, a diretora, Profa. Dra. Creuza Souza Silva, o prefeito Júlio Pinheiro, além de professores, vereadores, secretários, entre outros. O imóvel, que havia sido doado à UFRB em 2009, receberá um investimento de R$730 mil na reforma, sendo parte desse valor subsidiado por uma emenda parlamentar do Dep. Jorge Sola (PT) e outra parte pela própria UFRB.

Da Redação.

Continue Lendo

Amargosa

Policiais ficam feridos em acidente na BA-026 próximo de Amargosa


Um acidente envolvendo policias foi registrado na manhã desta sexta-feira (17) na BA-026, sentido Amargosa-Varzedo. Segundo informações, o fato teria ocorrido após os policias tentarem desviar de um veículo que realizava uma manobra para acessar a rodovia.

Os dois agentes que estavam em uma viatura, ficaram levemente feridos e foram encaminhados ao HRSAJ (Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus).

O 14º Batalhão da PM informou que os policiais estão fora de perigo. Fonte: VozdaBahia.

Continue Lendo

Mais Lidas