Conecte-se agora

Brasil

Bolsonaro sobre óleo no Nordeste: ‘Não é do Brasil, não é responsabilidade nossa’


O presidente Jair Bolsonaro (PSL) afirmou, nesta segunda-feira (8), que não é do Brasil a responsabilidade pelas manchas de petróleo encontradas em mais de uma centena de praias no litoral nordestino.

“Nós estamos investigando, analisando, porque tem um DNA. Por exemplo, não é produzido em nenhum poço brasileiro. E não é comercializado de fora para cá esse tipo de óleo também. Então, [temos] uma certeza: não é do Brasil, não é responsabilidade nossa. A análise continua para saber se a gente consegue detectar de que país é, da onde veio, qual navio petroleiro que derramou esse óleo lá”, declarou Bolsonaro na saída de uma reunião no Ministério da Defesa, segundo o jornal O Globo.

De acordo com o presidente, foram identificados aproximadamente 140 navios que fizeram o trajeto por aquela região. Bolsonaro não soube responder se o governo pode pedir uma indenização ou tomar outras providências caso se descubra a origem dos vazamentos.

Na Bahia, as manchas de óleo já foram encontradas em Jandaíra, nas praias de Mangue Seco e Coqueiro; no Conde, na praia de Siribinha, e em Esplanada, sem ainda identificação das localidades. *Bahia Notícias.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Contratado pela família, perito diz não haver sinais de tortura em corpo de miliciano


Contratado pela família de Adriano de Nóbrega, um perito particular informou que, a princípio, não há indícios externos de tortura no corpo do miliciano. Nóbrega era suspeito de envolvimento na morte da vereadora Marielle Franco, no Rio de Janeiro, e morreu em confronto com a polícia baiana em Esplanada no último dia 9 de fevereiro.

O corpo do miliciano passou por uma nova necropsia na tarde desta quinta-feira (20) no Instituto Médico Legal do Rio (IML). Em entrevista à GloboNews, o perito Talvane de Moraes contou que o exame durou cerca de quatro horas e meia e que a análise não é conclusiva. Ele coletou materiais que passarão por exames laboratoriais. Segundo o especialista, o corpo estava embalsamado, o que altera as condições do exame. Na última quarta (19), o IML do Rio de Janeiro informou à Justiça que o corpo já estava apodrecendo. 

Além do exame feito pelo perito particular, especialistas da Polícia Civil do Rio de Janeiro e do Ministério Público do estado também realizaram nova necropsia, a pedido do MP-BA. Até o momento, os órgãos não informaram se houve uma análise conclusiva.

Adriano de Nóbrega estava foragido há um ano. Após sua morte, políticos levantaram suspeitas sobre as circunstâncias da morte do miliciano.
*Bahia Notícias.

Continue Lendo

Brasil

SAC deixará de emitir carteira de trabalho a partir de março


Onze dos 13 postos da capital deixarão de emitir a carteira de trabalho. A nova regra é válida a partir de 3 de março, conforme determinação do governo federal. Continuarão oferecendo o serviço os postos dos shopping Bela Vista e Barra, mediante agendamento via SAC Digital.

Os postos poderão realizar a emissão da carteira de trabalho prioritariamente para casos excepcionais. Por exemplo, cidadãos que serão contratados por empresas que ainda não aderiram ao Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhista (eSocial), por organizações não-governamentais (ONGs) e por entes da administração estadual e municipal.

Para atender à demanda por novas carteiras de trabalho, os órgãos orientam o uso da CTPS Digital. A mudança está regulamenada pela Portaria Federal nº 1.065/2019. A CTPS Digital pode ser acessada via aplicativo, disponível nos sistemas Android e iOS, ou através do SAC Digital.

Os usuários podem ter acesso à CTPS Digital na plataforma de serviços do estado, onde serão direcionados para o site do Ministério da Economia para que criem um cadastro com seus dados pessoais, sobre vida laboral e previdenciária. Caso o usuário já tenha conta de acesso único, a consulta à CTPS Digital poderá ser feita mediante número de CPF e senha.

Quem possui a carteira de trabalho física pode guardar o documento, que continua sendo uma forma de comprovar o tempo de serviço em empresas e contratos anteriores. No entanto, o documento não tem mais validade como identificação civil. (Bahia.Ba)

Continue Lendo

Brasil

Bolsonaro autoriza uso das Forças Armadas para conter crise no Ceará


O presidente Jair Bolsonaro autorizou hoje (20), o emprego das Forças Armadas para tentar conter a crise na segurança pública do Ceará, em razão da greve de policiais e bombeiros militares.

O decreto é assinado por Bolsonaro, pelo ministro Fernando Azevedo e Silva (Defesa) e pelo General Augusto Heleno (Gabinete de Segurança Institucional). A medida prevê que as Forças Armadas fiquem na cidade até o dia 28 de fevereiro.

A crise no estado piorou ontem (19), quando o senador Cid Gomes (PDT-CE) levou dois tiros ao tentar invadir, pilotando uma retroescavadeira, um quartel com policiais militares amotinados.

O senador levou um tiro na clavícula e outro no pulmão. O último boletim médico, divulgado pelo Hospital do Coração na manhã de hoje, afirma que Gomes recebeu alta da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e que seu estado de saúde é estável. Fonte: Metro1

Continue Lendo

Mais Lidas