Connect with us

Saúde

Sobe para 20 o número de casos de sarampo confirmados na Bahia


O número de casos de sarampo confirmados na Bahia voltou a crescer, segundo informações divulgadas ontem (9) pela Secretaria da Saúde do Estado (Sesab). Onze novos pacientes com a doença foram confirmados. Santo Amaro é a cidade com o maior número de infectados, e Salvador tem um caso importado registrado.

A Sesab afirma que cinco novos casos foram confirmados em Santo Amaro, três em Gandu, um em Ituberá, um em Andorinha e outro no município de Palmeiras. A investigação epidemiológica concluiu que os casos registrados em Gandu e Ituberá estão associados ao surto de Santo Amaro.

No total, segundo a pasta, foram contabilizados 20 casos confirmados de sarampo em residentes na Bahia, sendo três importados.

Até o dia 5 de outubro, 509 casos suspeitos de sarampo foram notificados na Bahia, sendo 263 descartados. Os demais permanecem em investigação. (Metro1)

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Saúde

Ministério da Saúde anuncia que vacina contra Covid não deve ser oferecida para toda a população


Assim que for aprovada, uma vacina contra Covid-19 não deve ser oferecida para toda a população no próximo ano, mas apenas para grupos de maior risco de exposição e complicações pela doença. O anúncio foi feito ontem (27) pelo Ministério da Saúde, que está trabalhando na construção de um plano nacional de imunização. Um documento preliminar deve ser compartilhado com especialistas e secretários de saúde na próxima terça-feira (01).

Nas últimas semanas, o ministério já vinha falando em iniciar a vacinação por grupos prioritários, como idosos, pessoas com doenças crônicas e profissionais de saúde, mas não estava claro se pensava em estender a oferta.

“Definimos objetivos para a vacinação, porque não temos uma vacina para vacinar toda a população brasileira. Além disso, os estudos não preveem trabalhar com todas as faixas etárias inicialmente, então não teremos mesmo como vacinar toda a população brasileira”, disse a coordenadora do Programa Nacional de Imunizações, Francieli Fantinato. Ela afirma que entre os grupos que hoje não fazem parte de estudos clínicos estão crianças e gestantes.

As informações foram dadas em coletiva de imprensa na sede da pasta. No mesmo encontro, representantes do Ministério da Saúde fizeram críticas à defesa do isolamento social, na contramão do recomendado por outras entidades na área da saúde. Fonte: Metro1

Continue Reading

Saúde

Covid-19: Anvisa recebe pedido para análise da vacina da Janssen-Cilag


A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recebeu pedido de Submissão Contínua da vacina para covid-19 do laboratório Janssen-Cilag. A Anvisa tem até 20 dias para analisar os documentos, contados a partir da data do protocolo. As informações são da Agência Brasil.

Com a abertura do processo na sexta-feira (27), o laboratório enviou também o primeiro pacote referente aos dados de qualidade do produto, o AD26.COV2.S. Na submissão contínua, os laboratórios devem apresentar os pacotes de dados de qualidade e de eficácia/segurança.

Este é quarto laboratório a enviar dados por submissão contínua para vacina covid-19. Com isso, todos os laboratórios com pesquisa de vacinas em andamento no Brasil já iniciaram o envio de dados para a Anvisa.

Segundo a agência reguladora, a submissão contínua ainda não é o pedido de registro da vacina. A Submissão é um envio antecipado de dados já prontos e consolidados que serão necessários para o futuro pedido de registro. Fonte: Metro1

Continue Reading

Saúde

Brasil registra 171.564 mortes por Covid-19, diz consórcio de imprensa


O Brasil contabiliza 171.564 óbitos e 6.209.404 contaminações em decorrência da Covid-19, de acordo com boletim das 13h divulgado hoje (27) pelo consórcio de veículos de imprensa – formado por O Globo, Extra, G1, Folha de S.Paulo, Uol e O Estado de S. Paulo.

Pela manhã, às 8h, o consórcio publicou a primeira atualização do dia com 171.497 mortes e 6.204.570 casos. Ontem (26), às 20h, o balanço indicou 171.497 mortes confirmadas, sendo 698 em 24 horas. Desde então, 5 estados atualizaram seus dados: CE, MG, MS, PE e TO.

A variação da média móvel de mortes no Brasil nos últimos 7 dias foi de +19% em comparação à média de 14 dias atrás, indicando tendência de alta nas mortes por coronavírus. Fonte: Metro1

Continue Reading

Siga-nos no Instagram:

Facebook