Conecte-se agora

Mundo

Mulher de 75 anos dá a luz a bebê; pai da criança tem 80 anos


Uma mulher de 75 anos deu à luz uma menina no Hospital Kinker, em Rajasthan, na Índia. De acordo com informações foram divulgadas pelo jornal The Mirror na terça-feira (14/10), a mamãe é Prabha Devi e o pai, que não teve a identidade divulgada, tem 80 anos.

O casal conseguiu engravidar através de fertilização in vitro e o bebê passa bem. De acordo com o jornal, a criança nasceu prematura com apenas 30 semanas, pesando apenas 1,5 kg. A menina teve que ser colocada em uma encubadora assim que nasceu, mas já foi retirada do equipamento. Os pais informaram ao hospital que já tinham um filho, mas ele era adotado e queriam muito ter uma criança concebida por eles. Para isso, foi utilizada a fertilização em vitro. 

A médica Abhilasha Kinker, ginecologista e obstetra que realizou o parto, disse ao jornal que a ideia era fazer o parto normal, mas os planos tiveram que ser mudados: “Realizamos a ultrassonografia Doppler e descobrimos que houve complicações em sua gravidez, então decidimos dar à luz a criança através de cesariana. Ela estava doente e velha e não podíamos arriscar”. 

O parto foi realizado com a criança prematura pois o bebê corria risco de vida. “Ela já carregava a criança há mais de seis meses, o que foi muito surpreendente para a idade dela. Se não tivéssemos entregue o bebê, ela poderia ter morrido no útero”.

A médica informou ainda que havia o receio de que a mãe não conseguisse gerar o bebê nem sobreviver ao parto. “Foi surpreendente para mim. A idade dela era um fator e ela estava doente. Ela tem um pulmão em colapso, por isso foi uma operação muito desafiadora”. *Aratu On.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo

Atirador abre fogo em escola e deixa ao menos cinco feridos nos EUA

Crédito da Foto: Twitter/NBC News

Um tiroteio na manhã desta quarta-feira (14/11) deixou pelo menos cinco feridos da cidade de Santa Clarita, no sul da Califórnia, Estados Unidos. As informações preliminares dão conta que um asiático abriu fogo em uma escola e, segundo a rede de TV NBC, teria se suicidado em seguida.

O departamento de polícia de Santa Clarita pediu, através das redes sociais, que as pessoas evitem a área da Saugus High School, local do tiroteio.

A cidade fica a 40 quilômetros de Los Angeles. De acordo com o Portal UOL, a polícia descreveu o suspeito como “homem asiático de roupa preta visto pela última vez no local”. Os moradores da região, antes do suicídio, foram aconselhados a não saírem de casa e a trancarem as portas. O xerife do condado onde o tiroteio ocorreu disse a jornalistas que provavelmente o suspeito é um aluno da escola.

O hospital Henry Mayo Newhall informou nas redes sociais que recebeu duas vítimas em estado grave. Não há informações sobre a idade dos feridos. Vídeos feitos pela emissora americana NBC mostram os estudantes sendo retirados da escola. *Aratu On.

CONFIRA

Continue Lendo

Mundo

Ações afirmativas do Bahia ganham destaque no ‘The Guardian’


As recentes ações realizadas pelo Bahia voltadas para questões sociais ganharam destaque no “The Guardian”, da Inglaterra. Com o título de “Como o Bahia se tornou o clube de futebol mais progressista do Brasil”, a matéria deu foco para as camisas manchadas de óleo, em referência ao vazamento nas praias do Nordeste.

Além da mais recente ação do clube, o tablóide citou as pautas do Núcleo de Ações Afirmativas, que buscam a inclusão das minorias, como negros, LGBTQI e mulheres.

Foto: Reprodução / The Guardian

Em entrevista, o presidente Guilherme Bellintani falou sobre o momento de crise que o clube viveu anos atrás, antes da intervenção. 

“O clube foi efetivamente administrado por três famílias ou personalidades por décadas. “Todos eles tinham características muito semelhantes: antidemocráticas e populistas. Eles acumularam muita dívida e seus projetos foram de curto prazo”, declarou.

Outro personagem da matéria foi o goleiro Douglas Friedrich, que valorizou as ações e a importância do clube para a sociedade.

“É algo novo em nosso ambiente de trabalho, mas acredito que a Bahia já influenciou outros clubes. Espero que, como jogadores, possamos crescer e ser mais ativos nessas questões. Nem todo mundo estará preparado para se posicionar, ou pode não concordar, em determinadas questões. Mas, pessoalmente, isso me motiva. O futebol conecta pessoas que têm o objetivo de fazer o bem”, indicou.

Roger Machado, um dos dois técnico negros da Série A do Campeonato Brasileiro, também foi destaque. Ele falou sobre a sua declaração contra o racismo após o jogo contra o Fluminense, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Acordei com um sentimento tão grande de pertencer a Salvador. A Bahia [o estado] e a Bahia [o clube] me capacitaram, me deram a coragem de fazer essa declaração [contra o racismo]. Ser inserido nesse contexto realmente me ajudou a responder à questão dessa maneira. Se, no final do livro da minha vida, estiver escrito: ‘Esse indivíduo ajudou a construir o esporte, mas, acima de tudo, ajudou a usar o esporte como uma ferramenta de transformação’, poderei morrer em paz”, indicou. *Bahia Notícias.

Continue Lendo

Mundo

Menina de 10 anos fica grávida após ser abusada pelo irmão de 15


Uma menina de dez anos está grávida depois de ter sido abusada pelo seu irmão, de 15 anos. Ela deu entrada em um hospital pediátrico de Posadas, na Argentina, reclamando de fortes dores nas costas e no abdômen. Os médicos, então, descobriram que a criança estava no oitavo mês de gestação. O hospital denunciou o caso ao juizado de menores, que está investigando o crime. Por enquanto, o adolescente está sob a tutela de uma tia. Pelas leis locais, ele não pode ser preso.

A diretora da vara da Infância do Ministério do Desenvolvimento Social da Província, Ana María Pereira, afirmou que que o bebê será cuidado pela avó. “Vamos tentar fortalecer esse vínculo para que o adulto seja responsável e a menina possa retomar sua vida escolar, conforme apropriado”, disse. “Sou assistente social há anos e estou realmente impactada, porque se trata de uma criança muito pequena. É a mais nova que já tivemos de atender”, completou. *Forte na Notícia.

Continue Lendo

Mais Lidas