Conecte-se agora

Educação

Pesquisa mostra o índice de reprovação e evasão escolar no Brasil; confira


Apesar dos esforços empregados, ainda é alto o número de estudantes reprovados ou que abandonaram os estudos no Brasil: cerca de 3,5 milhões. Os dados são de uma pesquisa da Unicef e do Instituto Claro referente ao ano de 2018. O levantamento baseou-se nas informações do Censo Escolar 2018, do Ministério da Educação. 

Ainda segundo o levantamento, o ensino médio é a etapa com o maior número de discentes que desistiram da escola. São mais de 460 mil alunos em situação de abandono escolar, o que representa 7% do total de matrículas nesse nível.

No ano passado, foram registradas 48,5 milhões de matrículas na Educação Básica, distribuídas entre a educação infantil, ensino fundamental e médio. Desse total, 2,6 milhões de alunos foram reprovados, sendo 1,2 milhão pretos e pardos. Outro fator que chama a atenção é a diferença entre idade-série. Isso porque 1 em cada 5 estudantes de escolas públicas tem dois ou mais anos de atraso escolar. 

O atraso escolar é ainda mais presente na população indígena, com 41% dos seus alunos matriculados enfrentando a situação. O abandono da escola também chegou a números alarmantes. Ao menos 15 mil crianças e estudantes indígenas abandonaram os estudos. *Aratu On.

Publicidade
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação

Ministro da Educação diz que feriado da República é ‘infâmia contra Pedro II’


O ministro da Educação, Abraham Weintraub, criticou por meio de seu perfil no Twitter as comemorações a respeito da proclamação da República, comemorada nesta sexta-feira (15). De acordo com ele, o imperador Dom Pedro II foi injustiçado. “Há 130 anos foi cometida uma infâmia contra um patriota, honesto, iluminado, considerado um dos melhores gestores e governantes da História (Não estou restringindo a afirmação ao Brasil)”, disse o ministro.

Dom Pedro II cedeu o comando do país em 15 de novembro de 1889 ao Marechal Deodoro da Fonseca, primeiro presidente do regime republicano. O chefe do MEC também aproveitou para criticar a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) e fez elogios à princesa Isabel, filha de Dom Pedro II ,e  à dona Leopoldina, mulher de Dom Pedro I. (M1)

Continue Lendo

Educação

Gabarito do Enem 2019 é divulgado


Participantes poderão conferir os acertos, mas as notas com resultado individual só serão divulgadas em janeiro de 2020.

gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 foi divulgadona tarde desta quarta-feira (13) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Os cadernos de prova também foram divulgados.

É importante lembrar que o número de acertos não representa necessariamente a nota final. Na correção do Enem, é usado o método chamado Teoria de Resposta ao Item (TRI) – modelo estatístico que leva em conta a dificuldade de cada pergunta e busca avaliar o desempenho do candidato em determinada área de conhecimento.

As notas individuais serão divulgadas em janeiro de 2020.

1º DOMINGO: Linguagens e ciências humanas

Enem 2019 - Gabarito do 1º dia de provas - Prova Azul — Foto: Reprodução/Inep

Enem 2019 – Gabarito do 1º dia de provas – Prova Azul — Foto: Reprodução/Inep

(G1)

Continue Lendo

Educação

Gabarito oficial do Enem 2019 será divulgado nesta quarta-feira (13)


O gabarito oficial do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 será divulgado nesta quarta-feira (13) pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Os cadernos de prova também serão disponibilizados.

Não há um horário marcado para a divulgação do material. Os candidatos deverão acessar o portal do Inep ou o aplicativo oficial do Enem. Assim que o gabarito estiver disponível, oG1 irá reproduzi-lo.

É importante lembrar que o número de acertos não representa necessariamente a nota final. Na correção do Enem, é usado o método chamado Teoria de Resposta ao Item(TRI) – modelo estatístico que leva em conta a dificuldade de cada pergunta e busca avaliar o desempenho do candidato em determinada área de conhecimento.

As notas individuais serão divulgadas em janeiro de 2020.

(G1/BA)

Continue Lendo

Mais Lidas