Connect with us

Brasil

Trump diz que vai retomar as tarifas sobre aço e alumínio do Brasil e Argentina


Em uma publicação no Twitter, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que Brasil e Argentina têm desvalorizado as próprias moedas e, por conta disso, anunciou que vai retomar tarifas sobre aço e alumínio provenientes dos dois países da América do Sul.

“A desvalorização não é boa para os nossos fazendeiros”, disse o chefe da Casa Branca, acrescentando que o que vem acontecendo com as moedas locais frente ao dólar causa dificulddes para as exportações americanas.

“Fed (federal Reserve, banco central americano) precisa agir para que países não tirem vantagem de nosso dólar forte”, completou. Os efeitos da medida são imediatos. (Correio24horas)

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Brasil

Governo acelera lançamento do Renda Brasil


O governo apertou o passo para finalizar o Renda Brasil e lançá-lo daqui a um mês, no Palácio do Planalto. O presidente Jair Bolsonaro quer anunciar o programa antes do fim do pagamento do auxílio emergencial e antes mesmo que o Congresso aprove uma proposta semelhante com a digital dos parlamentares. A oposição não acredita, entretanto, que o novo programa atrairá para Bolsonaro o seu eleitor cativo, beneficiário do Bolsa Família, especialmente no Nordeste.

Diante da expectativa de aumento do desemprego como reflexo da pandemia e da perda de eleitorado nos segmentos mais escolarizados e ricos da sociedade, Bolsonaro empenha-se em alavancar sua popularidade junto às classes de baixa renda, dependentes de programas sociais, em especial no Nordeste. Além dos beneficiários do Bolsa Família, outro alvo é o trabalhador informal e os desempregados, que diante do fim do auxílio emergencial, deverão compor a base do futuro Renda Brasil.

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra (MDB-PE), disse ao Valor que o Renda Brasil deve ser lançado até 14 de agosto, próximo à retomada das sessões presenciais do Congresso. E, após o lançamento, imediatamente enviado ao Legislativo para análise dos parlamentares. “Com o Renda Brasil, Bolsonaro vai ter as condições de fato de disputar as eleições com chance de ser o primeiro colocado em 2022”, aposta Bezerra.

Um senador com acesso às articulações afirma que o governo acelerou os ajustes finais do Renda Brasil, pois teme ser surpreendido com um programa de renda mínima que tenha a digital do Congresso. Ele alerta, no entanto, que as primeiras linhas do programa que vieram a público geram resistência, porque os parlamentares deverão reagir à extinção de outros benefícios como o abono salarial, por exemplo.

O modelo esboçado pelo governo prevê a fusão ou extinção de programas assistenciais considerados menos eficientes, como abono salarial, seguro defeso e salário família, sem despesa adicional para preservar o teto de gastos.

Lei mais no Valor Econômico.

Continue Reading

Brasil

Cliente encontra dedo humano no meio de pedido feito por delivery


Um cliente encontrou um pedaço de dedo humano no meio de uma esfiha após um pedido de delivery no último sábado (11), na zona norte da cidade de São Paulo. A lanchonete que comercializou o alimento foi fechada.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) de São Paulo informou que em contato com o dono do estabelecimento, o mesmo afirmou que o dedo é de um de seus funcionários que o havia decepado na última semana cortnado calabresa.

O cozinheiro informou que o caso aconteceu na última quarta-feira (8), e que ele chegou a procurar o pedaço do dedona comida, no chão e nos equipamentos da lanchonete, mas não havia o encontrado. Segundo o dono da lanchonete,o estabelecimento ficou fechado desde o dia do ocorrido até a última sexta-feira (10).

Os alimentos foram apreendidos e encaminhado aos peritos do Instituto de Criminalística. A parte do dedo encontrada na esfira foi apreendida e levada para o Instituto de Medicina Legal. Uma equipe de peritos será deslocada à lanchonete para verificar as condições sanitárias do local. (Varela Notícias)

Continue Reading

Brasil

Em delação, ex-secretário de Saúde do RJ entrega provas contra Witzel


O ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Edmar Santos entregou um conjunto de provas e materiais em acordo de delação firmado com a Procuradoria-Geral da República. A informação é da coluna Radar, da Veja. 

O material entregue por Edmar revelaria em detalhes a participação do governador Wilson Witzel no esquema de corrupção da Saúde do RJ, que levou o ex-secretário a ser preso na última sexta-feira (10).

Além de apresentar provas concretas contra o gestor estadual, Edmar se comprometeu a devolver R$ 8,5 milhões à Justiça. Um dos investigadores que participam do caso disse: “Ele entrega o dinheiro e os culpados”. (Metro1)

Continue Reading