Connect with us

Educação

Inscrições para o Fies terminam nesta quarta-feira


As inscrições para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) terminam nesta quarta-feira (12). Neste semestre, o programa vai ofertar 70 mil vagas em instituições privadas de ensino superior. O resultado sai no dia 26 de fevereiro. Para se candidatar, os estudantes devem acessar a conta única do governo federal.

O portal gov.br faz parte do plano de transformação digital do governo, de oferecer todos os serviços públicos federais por meio de um único login, que é o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF), e uma senha. O candidato também pode acessar o portal do Fies , onde será redirecionado para o site do governo.

O programa está dividido em duas modalidades: o Fies a juros zero para quem tem renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e o Programa de Financiamento Estudantil (P-Fies) para aqueles com renda familiar per capita de até cinco salários mínimos.

Mudanças
Em dezembro de 2019, o comitê gestor do Fies realizou algumas mudanças no programa, que só valerão a partir do segundo semestre deste ano.

Uma das mudanças é a possibilidade de cobrança judicial dos contratos firmados até o segundo semestre de 2017 com dívida mínima de R$ 10 mil. O ajuizamento deverá ser feito após 360 dias de inadimplência na fase de amortização, ou seja, do pagamento em parcelas dos débitos.

Hoje a cobrança de quaisquer valores é feita no âmbito administrativo. Pela resolução aprovada pelo comitê, só continua a se enquadrar nesse campo quem dever menos de R$ 10 mil. O devedor e os fiadores poderão ser acionados.

Para o P-Fies, o comitê definiu independência em relação ao Fies, para, segundo o Ministério da Educação (MEC), “dinamizar a concessão do financiamento nessa modalidade”. Não haverá exigência do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)  como pré-requisito (hoje, é idêntico ao do Fies) e nem será imposto limite máximo de renda (atualmente, é para alunos com renda per capita mensal familiar de até cinco salários mínimos). Também será possível contratar o P-Fies durante todo o ano.

As mudanças também atingiram o uso da nota do Enem como forma de ingresso ao Fies. Hoje é preciso ter nota média mínima de 450 pontos e apenas não zerar a redação para pleitear o financiamento. O comitê estabeleceu uma nota de corte também para a parte discursiva, 400 pontos, que está abaixo da nota média nacional, de 522,8. Essas mudanças valem a partir de 2021.

A nota do Enem também servirá para limitar transferências de cursos em instituições de ensino superior para alunos que possuem financiamento do Fies. Será necessário ter obtido, no Enem, resultado igual ou superior à nota de corte do curso de destino desejado.

O comitê aprovou o plano trienal 2020 a 2022 para o Fies. Nele, as vagas poderão cair de 100 mil em 2020 para 54 mil em 2021 e 2022, caso não haja alteração nos parâmetros econômicos atuais. Mas esses valores serão revistos a cada ano, podendo voltar a 100 mil vagas caso haja alteração nessas variáveis ou aportes do MEC.

*BNews.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Educação

Enem 2020 será impresso em gráfica onde prova vazou em 2009


O Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) anunciou em suas redes sociais nessa terça (4) que a Gráfica Plural será responsável pela impressão das provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2020.

As negociações chegaram as ser interrompidas pela Justiça por causa da falta da comprovação de requisitos de segurança, mas o contrato foi assinado na sexta-feira, 31 de julho.

A gráfica é a mesma de onde o exame foi vazado em 2009, provocando o adiamento da prova. Segundo investigações feitas pela Polícia Federal de São Paulo, os indiciados pelo vazamento foram contratados por um consórcio e trabalhavam dentro da gráfica, na conferência da impressão das provas.

Desde 2009, a gráfica RR Donnelley foi responsável pela impressão das provas, mas a empresa declarou  falência em abril de 2019. Agora, a Plural declarou que modernizou e adequou seus critérios de segurança desde o ocorrido.

O MEC anunciou recentemente que as provas impressas do Enem serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021, em adiamento anunciado por conta da pandemia da Covid-19. Já a versão digital do exame acontecerá e 31 de janeiro e 7 de fevereiro, também em 2021.

Segundo o órgão, foram confirmadas 5,8 milhões de inscrições para as provas desse ano, sendo 5,6 milhões de candidatos optantes pela a versão impressa e 96 mil, pela versão digital.

Fonte: CNN Brasil

Continue Reading

Educação

MEC autoriza aulas a distância até fim do ano em instituições federais do ensino médio técnico


O Ministério da Educação (MEC) publicou portaria que autoriza as instituições federais de educação profissional técnica de ensino médio a suspenderem as aulas presenciais ou substituí-las por aulas a distância até 31 de dezembro de 2020 devido à pandemia do novo coronavírus.

O texto, assinado pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, foi publicado no Diário Oficial da União, na madrugada desta terça-feira (4/8). A portaria entra em vigor a partir desta quarta (5/8). De acordo com o texto, as instituições de ensino podem utilizar as duas alternativas (aulas EaD ou suspensão) previstas “de forma coordenada, sempre que for possível e viável do ponto de vista estrutural, pedagógico e financeiro”. 

No entanto, as instituições que optarem pela suspensão das aulas presenciais deverão repô-las integralmente, para cumprir a carga horária total estabelecida no plano de curso aprovado. Segundo o texto, estas escolas poderão alterar os seus calendários, inclusive os de recessos e férias. Já as que optarem por substituir as aulas presenciais por encontros EaD terá a responsabilidade de definir as atividades curriculares a ser substituídas, disponibilizar ferramentas e materiais, acompanhar o desenvolvimento dos estudantes e a realização de eventuais avaliações.

A portaria prevê ainda que os alunos de cada curso deverão ser comunicados sobre o plano de atividades definido para o período, com antecedência de, no mínimo, 48 horas da execução das atividades. (AratuOn)

Continue Reading

Educação

Secretaria da Educação estadual realiza aula virtual do Enem nesta terça-feira (4)


A Secretaria da Educação do Estado (SEC) promove, nesta terça-feira (4), mais uma aula on-line voltada para a preparação dos estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), pelo Projeto ENEM 100%. A aula será com a professora de Redação, Patrícia Reis, com transmissão pelo canal do YouTube “Educação Bahia“.

As aulas virtuais do Projeto ENEM 100% acontecem sempre às terças-feiras e sextas-feiras, das 16h às 17h, e seguirão até 18 de setembro, envolvendo diferentes componentes curriculares. A iniciativa faz parte de uma série de atividades lançadas pela SEC para fortalecer a aprendizagem dos estudantes que irão prestar o exame. No Portal da Educação, o estudante ainda tem à sua disposição uma apostila que pode ser baixada, por aula, e a programação das próximas aulas que serão realizadas.

As provas do Enem, na versão impressa, serão aplicadas nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021 e, na versão digital, em 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Fonte: bahia.ba

Continue Reading