Connect with us



Mundo

Líbano confirma primeiro caso de Covid-19


O Líbano confirmou, hoje (21), o primeiro caso de Covid-19 no país. A paciente é uma mulher de 45 anos que chegou ao país em um avião vindo do Irã, onde quatro pessoas já morreram por causa da doença e 18 casos foram detectados. De acordo com a OMS, existem agora 1.152 casos confirmados em 26 países, sem contar a China.

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse em coletiva hoje (21), estar preocupado com a propagação da doença. “Embora o número total de casos fora da China permaneça relativamente pequeno, estamos preocupados com o número de casos sem vínculo epidemiológico claro, como histórico de viagens à China ou contato com um caso confirmado”, declarou.

Ghebreyesus cobrou, mais uma vez, apoio para combater o novo coronavírus. “Apesar de estarmos pedindo à comunidade internacional que aja rapidamente,inclusive financeiramente, não é o que vemos”.

A Coreia do Sul registrou ontem (20) a primeira morte provocada por Covid-19, hoje (21) foram notificados mais 100 novos casos. “Entramos em uma fase de emergência”, disse o primeiro-ministro, Chung Se-kyun, em televisão nacional, segundo a Associated Press.
*Metro1.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mundo

Estados Unidos têm mais de 1.200 mortes por coronavírus em 24 horas


Os Estados Unidos (EUA) registraram nesse domingo (5/4) mais de 1.200 mortes em 24 horas causadas pela covid-19, de acordo com a contagem da Universidade Johns Hopkins. O número total de morte, desde o início da pandemia nos Estados Unidos, é agora de mais de 9 mil e o de infectados, de cerca de 337mil. 

Segundo a Universidade Johns Hopkins, mais de 17 mil pessoas já se ecuperam da doença no país. “Estamos aprendendo muito sobre o inimigo invisível. É duro e inteligente, mas somos mais duros e inteligentes!”, escreveu o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na rede social Twitter.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia de covid-19, já infectou mais de 1,2 milhão de pessoas em todo o mundo, das quais morreram mais de 68 mil. Dos casos de infecção, mais de 283 mil são considerados curados. Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar situação de pandemia. (AratuOn)

Continue Reading

Mundo

Em teste, remédio antiparasita mata coronavírus em 48 horas


Um estudo na Austrália observou que um remédio antiparasita, usado geralmente para tratar verminoses, foi capaz de inibir o crescimento do novo coronavírus Sars-CoV-2 em cultura de células, controlando o microorganismo em 48 horas.

O estudo foi liderado pela Monash University e feito em parceria com o Doherty Institute of Infection and Immunity, e foi publicado na revista Antiviral Research, da Elsevier, no último dia 3.

Os cientistas observaram que uma dose único da droga Ivermectin foi capaz de combater o SARS-CoV-2. Atualmente, a Ivermectin está disponível no mercado em todo o mundo.

“Nós descobrimos que mesmo uma dose única pode essencialmente remover todo o RNA viral em 48 horas e que mesmo em 24 horas há uma redução significativa”, disse a doutora Kylie Wagstaff, que liderou o estudo.

Os cientistas alertam que, apesar do potencial de efetividade do medicamento observado em laboratório, ele ainda não pode ser usado com segurança em seres humanos infectados com o novo coronavírus, tampouco em casos de automedicação. O estudo precisa ser continuado com testes clínicos e testes em humanos para concluir a efetividade da droga em doses seguras para humanos.

Em outros estudos, o Ivermectin já se mostrou eficiente contra outros vírus, como HIV, Dengue, Influenza e Zika vírus.

Na Universidade Tsinghua, de Pequim, um grupo de cientistas chineses isolaram vários anticorpos que diz serem “extremamente eficientes” para impedir a capacidade do novo coronavírus de entrar nas células, o que pode ser útil tanto para tratar como para prevenir a Covid-19.

Já um novo estudo publicado por pesquisadores da Universidade de Pittsburgh, nos Estados Unidos, traz um projeto de vacina contra o novo coronavírus que já foi avaliado pela comunidade científica. A pesquisa mostra avanços promissores na criação de uma vacina contra o vírus ao atacar as células ACE-2, às quais o novo coronavírus se liga ao corpo humano para se reproduzir e atacar o organismo, causando sintomas como febre, dores no corpo e dificuldade de respirar.

*Exame

Continue Reading

Mundo

Número de mortes por coronavírus cai pelo terceiro dia seguido na Espanha


O número de mortos diários por coronavírus na Espanha caiu hoje (5) pelo terceiro dia consecutivo, com 674 mortes em 24 horas, o que eleva o balanço total para 12.418 pessoas, segundo o Ministério da Saúde do país.

Este é o boletim diário com menor número de óbitos dos últimos dez dias na Espanha,  que é o segundo país com mais mortes no mundo pela Covid-19, depois da Itália. Na quinta (2), foram 950 mortes, número que caiu para 932 no dia seguinte. Ontem (4), a queda foi ainda mais expressiva, com 809 óbitos. 

O primeiro-ministro Pedro Sanchez anunciou ontem novas medidas de isolamento para os espanhóis e prolongou o confinamento por mais três semanas.

Continue Reading

Mais Lidas