Connect with us

Bahia

Bahia chega à marca de 1.800 mortos pelo coronavírus


A Bahia atingiu a marca de 1.800 mortos pela covid-19 nesta segunda-feira (29), quando 52 novas vítimas foram contabilizadas pelo boletim diário divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab).

Em 24h, o estado teve o registro de 972 novos casos de infectados pelo vírus, chegando a 69.467 confirmações. Deste total, 23.721 estão com a doença ativa e 23.721 se curaram – 874 contabilizados de ontem para hoje.

Os casos confirmados ocorreram em 385 dos 417 municípios baianos, segundo a Sesab. Desse total, 32.599 são de Salvador (47,24%), cidade com maior número de pessoas infectadas. Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Itajuípe (1.800,79), Ipiaú (1.506,33), Gandu (1.484,43), Uruçuca (1.203,76), e Itabuna (1.164,98).

Foram descartados ainda 159.204 casos e outros 72.067 seguem em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas desta segunda-feira (29).

Na Bahia, 8.264 profissionais da saúde foram infectados pela covid-19.

Taxa de ocupação
Dos 2.284 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus na Bahia, 1.385 estão ocupados – ou seja, 61%. Em relação aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 916 exclusivos para a covid-19, 705 vagas estão preenchidas (77%).

Vale lembrar que esse número muda a todo instante, com a alta, transferência ou óbito de pacientes. Além disso, intercorrências com equipamentos, rede de gases ou equipes incompletas, por exemplo, inviabilizam a disponibilidade do leito. A Sesab pontua ainda que novos leitos são abertos progressivamente mediante o aumento da demanda.

Óbitos
Veja o perfil dos novos óbitos confirmados nesta segunda:

1749º óbito – homem, 90 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e doença cardiovascular, foi internado dia 23/06 e foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

1750º óbito – homem, 80 anos, residente em Salvador, portador de doenças hematológicas, foi internado dia 06/06 e foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

1751º óbito – mulher, 51 anos, residente em Salvador, portadora de doença cardiovascular, foi internada dia 13/06 e foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1752º óbito – homem, 64 anos, residente em Varzedo, portador de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, foi internado dia 14/06 e foi a óbito dia 21/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1753º óbito – mulher, 54 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 18/04 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1754º óbito – homem, 60 anos, residente em Santo Antônio de Jesus, sem comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 22/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1755º óbito – mulher, 80 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 19/05 e foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1756º óbito – mulher, 62 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 29/05 e foi a óbito dia 25/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1757º óbito – mulher, 71 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e doença cardiovascular, foi internada dia 01/06 e foi a óbito dia 07/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1758º óbito – mulher, 72 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 06/05 e foi a óbito na mesma data (06/05), em unidade da rede pública, em Salvador;

1759º óbito – mulher, 45 anos, residente em Salvador, portadora de obesidade, foi internada dia 17/05 e foi a óbito dia 28/05, em unidade da rede pública, em Salvador;

1760º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1761º óbito – homem, 61 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, neoplasias e doença renal crônica, foi internado dia 20/06 e foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1762º óbito – mulher, 51 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 04/05 e foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1763º óbito – homem, 71 anos, residente em Salvador, portador de doença renal crônica, foi internado dia 05/05 e foi a óbito dia 12/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1764º óbito – homem, 56 anos, residente em Lauro de Freitas, portador de hipertensão arterial, diabetes e obesidade, foi internado dia 22/06 e foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1765º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, foi internado dia 11/06 e foi a óbito dia 13/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1766º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de diabetes, foi internado dia 13/06 e foi a óbito dia 19/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1767º óbito – mulher, 60 anos, residente em Salvador, portadora de doença renal crônica e obesidade, foi internada dia 27/05 e foi a óbito dia 11/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1768º óbito – mulher, 78 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 17/05 e foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1769º óbito – mulher, 58 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, foi internada dia 04/06 e foi a óbito dia 10/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1770º óbito – homem, 78 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e doença cardiovascular, foi internado dia 30/05 e foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1771º óbito – mulher, 74 anos, residente em Quijingue, portadora de hipertensão arterial, foi internada dia 10/06 e foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1772º óbito – homem, 65 anos, residente em Filadélfia, portador de diabetes, data de admissão não informada, foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede privada, em Remanso;

1773º óbito – mulher, 60 anos, portadora de hipertensão arterial, foi internada dia 08/06 e foi a óbito dia 09/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1774º óbito – mulher, 65 anos, residente em Candeias, portadora de hipertensão arterial e diabetes, foi internada dia 03/06 e foi a óbito dia 21/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1775º óbito – mulher, 79 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes e doença cardiovascular, foi internada dia 01/06 e foi a óbito dia 13/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1776º óbito – homem, 70 anos, residente em Luís Eduardo Magalhães, portador de hipertensão arterial, data de admissão não informada, foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede pública, em Barreiras;

1777º óbito – homem, 45 anos, residente em Conde, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 07/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1778º óbito – homem, 72 anos, residente em Luís Eduardo Magalhães, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede pública, em Barreiras;

1779º óbito – mulher, 58 anos, residente em São Francisco do Conde, portadora de hipertensão arterial, diabetes, doença respiratória crônica e obesidade, foi internada dia 04/06 e foi a óbito dia 05/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1780º óbito – mulher, 50 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes, foi internada dia 08/06 e foi a óbito dia 20/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1781º óbito – homem, 71 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial, foi internado dia 20/04 e foi a óbito dia 08/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1782º óbito – homem, 75 anos, residente em Ipiaú, portador de doença cardiovascular e imunodeficiência, foi internado dia 08/06 e foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Ilhéus;

1783º óbito – homem, 76 anos, residente em Salvador, sem informação de comorbidades, data de admissão não informada, foi a óbito dia 24/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1784º óbito – mulher, 87 anos, residente em Salvador, sem informação de comorbidades, foi internada dia 09/06 e foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1785º óbito – homem, 70 anos, residente em Ituberá, portador de hipertensão arterial, data de admissão não informada, foi a óbito dia 15/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1786º óbito – homem, 58 anos, residente em Salvador, portador de diabetes e obesidade, foi internado dia 15/06 e foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede pública, em Salvador;

1787º óbito – mulher, 93 anos, residente em Alagoinhas, sem informação de comorbidades, foi internada dia 26/06 e foi a óbito dia 27/06, em unidade da rede pública, em Alagoinhas;

1788º óbito – homem, 47 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e obesidade, foi internado dia 25/06 e foi a óbito dia 26/06, em hospital militar, em Salvador;

1789º – mulher, 92 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e doença renal crônica, foi internada dia 08/06 e foi a óbito dia 23/06, em unidade da rede privada, em Salvador;

1790º óbito – mulher, 85 anos, residente em São José do Jacuípe, portadora de hipertensão arterial, foi internada dia 19/06 e foi a óbito dia 28/06, em unidade da rede filantrópica, em Salvador;

1791º óbito – homem, 68 anos, residente em Ituberá, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 14/06, em hospital da rede pública, em Ilhéus;

1792º óbito – homem, 55 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e obesidade. Internado dia 28/05, foi a óbito dia 25/06, em hospital da rede particular, em Lauro de Freitas;

1793º óbito – homem, 85 anos, residente em Eunápolis, portador de hipertensão arterial. Internado dia 18/05, foi a óbito dia 13/06, em hospital da rede pública, em Porto Seguro;

1794º óbito – homem, 75 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internado dia 17/06, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

1795º óbito – mulher, 76 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 12/06, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

1796º óbito – homem, 82 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Sem informação acerca da data de internação, foi a óbito dia 25/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

1797º óbito – homem, 92 anos, residente em Salvador, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

1798º óbito – mulher, 59 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença respiratória infecciosa e doença renal crônica. Internada dia 22/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

1799º óbito – homem, 58 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial. Internado dia 11/06, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

1800º óbito – homem, 39 anos, residente em Itagibá, portador de hipertensão arterial e doenças genéticas. Sem informação acerca da data de internação, foi a óbito dia 26/06, em unidade da rede pública, em Ipiaú.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Bahia

Valença registra 445 casos ativos e 326 recuperados; confira boletim


A Secretaria de Saúde de Valença-Bahia informa que no Boletim Epidemiológico desta quarta-feira (08/07), a cidade registra vinte (20) novos casos confirmados de coronavírus, todos por teste rápido. A vigilância em saúde segue acompanhando todos os casos, diuturnamente.


A Secretaria da Saúde também informa com profundo pesar o 24º e o 25º óbito por Covid-19 em Valença.
24º Trata-se de um paciente do sexo masculino, 77 anos, internado na Santa Casa de Valença, com resultado positivo, evoluindo a óbito na noite desta terça-feira, 07 de julho.
25º Trata-se de uma paciente do sexo feminino, 60 anos, internada no Hospital em Vitória da Conquista, com resultado positivo, evoluindo a óbito nesta quarta-feira, 08 de julho.

Continue Reading

Bahia

Bahia registra 61 mortes e mais de 3.500 casos de Covid-19 em 24 horas


A Bahia registrou nas últimas 24 horas 3.582 casos de coronavírus e 61 mortes em decorrência da Covid-19, de acordo com boletim divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Ao todo, o estado tem 95.536 casos confirmados desde o início da pandemia e 2.277 óbitos confirmados.

As confirmações ocorreram em 393 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (43,66%). Os municípios com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Gandu (2.305, 34), Itajuípe (2.235,13), Ipiaú (1.867,68), Lauro de Freitas (1.531,45) Uruçuca (1.525,42).

Ao todo, 66.550 já estão curados da doença e 94.539 continuam em investigação. Na Bahia, 10.561 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19.

Na Bahia, dos 2.335 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.479 possuem pacientes internados, ou seja, a taxa de ocupação é de 63%. Vale lembrar que o número de leitos é flutuante, representando o quantitativo exato de vagas disponíveis no dia. M1.

Continue Reading

Bahia

Feira de Santana: após mais um fechamento do comércio, prefeitura suspende feira livre


Após mais um fechamento do comércio em Feira de Santana, no centro-norte da Bahia, nesta semana, a maior feira livre da cidade também terá as atividades suspensas a partir de amanhã (9). 

A tradicional Feiraguay será fechada porque a prefeitura considera o espaço também como “área de elevado índice de infecção”.

Após a suspensão do funcionamento das lojas no município, a Superintendência de Trânsito de Feira reportou, na região central da cidade, “apresentou movimento moderado, sem os engarrafamentos nas principais avenidas verificado no período em que o comércio esteve autorizado a abrir”. (Metro1)

Continue Reading