Connect with us

Concursos

2021: concurso da Receita Federal terá 699 vagas e salários de pelo menos R$ 12 mil

Depois de sete anos sem realizar concurso, a Receita Federal confirmou que disponibilizará 699 vagas para um novo concurso, com a realização de provas ainda em 2021. A expectativa é que sejam disponibilizadas 230 oportunidades para Auditor Fiscal e 469 para Analista Tributário, com edital a ser publicado em setembro. Em 2019, o Congresso estipulou o salário inicial dos auditores em R$21.029,09 e  R$ 12.142,39 para Analista Tributário. 

De acordo com o professor de cursos preparatórios e advogado André Malheiros, os atrativos para essa seleção são diversos e vão desde a possibilidade de trabalhar em qualquer lugar do País e até a remuneração e os benefícios para os cargos. “A Receita Federal do Brasil é um dos órgãos mais respeitados e o candidato que pretende concorrer a uma vaga deve estar muito atento às atribuições da carreira que pretende seguir e, consequentemente, às matérias que deve estudar”, reforça. 

Para concorrer a qualquer uma das duas funções, é necessário possuir o curso superior completo. Malheiros ressalta que, nos últimos concursos, não foi exigida uma formação específica e que a tendência é que o novo edital mantenha esse comportamento. O advogado salienta que  o analista é o responsável por realizar as atividades acessórias e preparatórias para as atribuições do auditor fiscal, a exemplo dos exames de matérias e processos administrativos. “Já o auditor é quem constitui o crédito tributário via lançamento, realizando os procedimentos de fiscalização”, explica.

Como a concorrência é alta e muito qualificada, em concursos como esse, não é possível negligenciar nada. Com uma vasta experiência nesse tipo de preparação, Malheiros diz que já viu bons candidatos perderem grandes oportunidades por não alcançarem notas mínimas em algumas matérias. “Bons candidatos já foram reprovados por não acertarem o mínimo em matérias que pensavam ser irrelevantes. É importante o candidato ter um estudo com regularidade e segurança, além de conhecer a legislação aduaneira e o comércio exterior “, esclarece, destacando que as disciplinas básicas de área fiscal são contabilidade, tributário, auditoria, português e os direitos constitucional e administrativo. “Não dá para negligenciar de forma alguma a legislação tributária federal (específica para essa prova)”, completa. 

O professor lembra que, para o cargo de Auditor, haverá um aprofundamento maior em matérias específicas e que, para esse novo concurso, a ESAF não fará a banca organizadora. “Além disso, o processo desse concurso deve ser célere como o de 2014 por causa dos prazos (lei de eleições), então é possível que venha uma prova muito parecida com a anterior (sem Direito civil, empresarial e penal). No entanto, eu apostaria em TI porque é uma matéria que é tendência em todas as provas de fiscal atuais”, orienta. 

André Malheiros conclui destacando que o concurso para a Receita é esperado desde 2014 e que, por isso mesmo, muita gente está focada exclusivamente nele desde então, afinal, a expectativa inicial era de que esse tipo de concurso fosse realizado a cada três anos. “Estamos aguardando uma prova bastante técnica, porém com cobranças justas. É importante o candidato se atentar aos detalhes. O que diferencia o aprovado do reprovado, são a preparação emocional e o foco nos detalhes”, finaliza.

Vale lembrar que as nomeações, que haviam sido anunciadas anteriormente para até o dia 31 de dezembro deste ano (2021), deverão ser adiadas para 2022.


Confira as matérias cobradas nos últimos concursos de Auditor e de Analista da Receita Federal:

Auditor

Língua Portuguesa
Espanhol ou Inglês
Raciocínio Lógico-Quantitativo
Administração Geral e Pública
Direito Constitucional
Direito Administrativo
Direito Tributário
Auditoria
Contabilidade Geral e Avançada
Legislação Tributária
Comércio Internacional e Legislação Aduaneira

Analista

Língua Portuguesa
Espanhol ou Inglês
Raciocínio Lógico-Quantitativo
Administração Geral
Direito Constitucional
Direito Administrativo
Direito Tributário
Contabilidade Geral
Legislação Tributária
Legislação Aduaneira

Fonte: Correio.

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Concursos

Concurso do Banco do Brasil já é o maior da história, com mais de um milhão e meio de inscritos

O concurso do Banco do Brasil, para todos os estados e o Distrito Federal, recebeu 1.655.420 inscrições no total. Trata-se do maior concurso da história do país, de acordo com a Fundação Cesgranrio, organizadora do processo seletivo. Foram 1.613.886 inscritos para as vagas de Escriturário – Agente Comercial e 41.534 inscritos para as vagas de Escriturário – Agente de Tecnologia.

“Os números de candidatos superaram as nossas expectativas. A procura por uma vaga no Banco do Brasil nos deixa orgulhosos por termos cumprido o objetivo de atrair novos talentos, em nível nacional. Acreditamos que os candidatos foram atraídos pelas oportunidades de ascensão e encarreiramento que o BB oferece, além do conjunto de benefícios, que incluem, por exemplo, plano de saúde e de previdência, vale alimentação / refeição, por termos capacitação permanente aos nossos funcionários, além de participação nos lucros e resultados. Estamos falando de uma das melhores empresas para se trabalhar, no país. A missão continua, agora, para selecionar os nossos novos colegas e para receber esses novos profissionais que irão vivenciar o propósito do Banco, de cuidar do que é valioso para as pessoas”, destaca Ênio Mathias, vice-presidente corporativo do BB.

As inscrições terminaram no último dia 7 e a seleção será realizada para provimento de 2 mil vagas para Escriturário – Agente Comercial, mais 2 mil de cadastro reserva, para atuação nas unidades de negócios, e outras 240 vagas de Escriturário – Agente de Tecnologia, mais 240 de cadastro de reserva, com foco em Conhecimentos de TI.

No Edital 2021, assim como nos editais anteriores do BB, foi observada a previsão legal de reserva de 5% das vagas às Pessoas com Deficiência, além de 20% das vagas para cumprimento da cota para Pessoa Preta ou Parda, conforme itens 4.1.2 e 4.2.2.

A realização das provas está prevista para o dia 26 de setembro de 2021 e seguirá os protocolos de prevenção à Covid-19, de acordo com as regras do edital.

Remuneração e benefícios

A remuneração inicial é de R$ 3.022,37, para jornada de 30 horas semanais, ajuda alimentação/refeição de R$ 831,16 por mês e, cumulativamente com o benefício de ajuda alimentação/refeição, o Banco concede a cesta alimentação, no valor mensal de R$ 654,87, na forma do Acordo Coletivo de Trabalho – ACT.

Há possibilidade de ascensão e desenvolvimento profissional; participação nos lucros ou resultados, nos termos da legislação pertinente e acordo sindical vigente; vale-transporte; auxílio-creche; auxílio a filho com deficiência; previdência complementar; e assistência à saúde, conforme regras vigentes à época da admissão aos quadros do Banco. Os funcionários do BB possuem, ainda, acesso à Universidade Corporativa Banco do Brasil (UniBB), que promoveu 3,5 milhões de ações de capacitação apenas em 2020.

Fonte: AcordaCidade

Continue Reading

Amargosa

Amargosa: prova de concurso público será realizado no próximo domingo, confira!

Será realizado neste domingo, 15/08, em Amargosa, o concurso para preenchimento de vagas no cargo de GCM (Guarda Civil Municipal) e Agente Comunitário de Saúde. Fiquem atentos ao local e horário da prova, confira abaixo

Consulte o local da prova no site da fundação Cefet Bahia, no link cefetba. A prova tem previsão de inicio às 13h. Atenção, os portões serão abertos as 12h10 e fechados as 12h50.

Continue Reading

Concursos

Caixa abre 10 mil vagas de emprego; veja divisão

A Caixa Econômica Federal anunciou a abertura 10 mil vagas de emprego. Segundo o banco, serão contratados 4 mil empregados, 5,2 mil estagiários e adolescentes aprendizes e 800 recepcionistas e vigilantes.

O aumento do número de funcionários se dá num momento em que o banco anuncia uma expansão na quantidade de agências. Serão mais 268 até o fim do ano.

O banco informou que deve abrir um concurso para 1 mil vagas destinado para pessoas com deficiência (PcD). O edital deve ser lançado até setembro deste ano.

As outras 3 mil vagas serão preenchidas por pessoas que prestaram um concurso público realizado em 2014. A autorização para essas contratações ainda depende do aval da Secretaria de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Sest), órgão ligado ao Ministério da Economia.

No fim do ano passado, a Caixa chegou a anunciar um programa de demissão voluntária (PDV), mas a iniciativa teve baixa adesão.

Vigilantes e recepcionistas
Segundo o banco, o preenchimento das vagas de vigilantes e recepcionistas será feito pela contratação de empresas especializadas nesses serviços.

Jovem Aprendiz e estagiários
A Caixa também informou que a contratação de aprendizes vai ocorrer por meio de parcerias com entidades sem fim lucrativos que serão selecionadas por chamada pública.

As vagas de estágio serão preenchidas por candidatos já aprovados em processos de seleção conduzidos pelos Centro de Integração Empresa-Escola (Ciee).

Segundo o banco, se houver necessidade, novas seleções poderão ser feitas pelo Ciee no futuro.

Leia a matéria original em Voz da Bahia

Continue Reading

Siga-nos no Instagram:

Facebook

Mais Lidas