Connect with us

Tecnologia

WhatsApp deixa de funcionar em celulares antigos hoje (1º); entenda

O WhatsApp vai deixar de funcionar em smartphones mais antigos a partir desta segunda-feira (1º).

Em seu site, a empresa diz que “não será mais compatível com aparelhos Android com o sistema operacional 4.0.4 e versões anteriores”. Ou seja, fica disponível apenas para telefones com Android 4.1 ou mais recentes.

Em iPhones, o aplicativo passa a ser compatível somente com o iOS 10 ou mais recentes. É possível continuar usando o app também em alguns modelos com o sistema operacional KaiOS 2.5.1.

Ainda não há há um número exato de pessoas que deixarão de ter a ferramenta no celular.
No início de setembro, a empresa já havia liberado uma lista de 40 modelos de celulares que deixarão de ter acesso ao serviço de mensagens.

A justificativa do WhatsApp é que, por terem sistemas ultrapassados, esses aparelhos não podem receber atualizações necessárias para que o aplicativo funcione normalmente e com segurança.

Segundo a empresa, antes da interrupção de acessos, avisos são enviados aos usuários.

Se o seu celular estiver na lista, a opção é utilizar outro serviço de mensagens ou trocar de aparelho.

Vale ressaltar que o WhatsApp permite que o usuário faça o backup do app de um smartphone da Apple para um Xiaomi, por exemplo.

Confira a lista de smartphones que não terão mais o WhatsApp:

  • Apple: modelos de iPhone que não suportam atualização para o iOS 10 ou superior
  • Samsung: Galaxy Trend Lite, Galaxy Trend II, Galaxy S2, Galaxy S3 mini, Galaxy Xcover 2, Galaxy Core e Galaxy Ace 2
  • LG: LG Lucid 2, Optimus F7, Optimus F5, Optimus L3 II Dual, Optimus L5, Optimus L5 II, Optimus L5 Dual, Optimus L3 II, Optimus L7, Optimus L7 II Dual, Optimus L7 II, Optimus F6, Enact, Optimus L4 II Dual, Optimus F3, Optimus L4 II, Optimus L2 II, Optimus Nitro HD e 4X HD, e Optimus F3Q
  • ZTE: ZTE Grand S Flex, ZTE V956, Grand X Quad V987 e Grand Memo
  • Huawei: Huawei Ascend G740, Ascend Mate, Ascend D Quad XL, Ascend D1 Quad XL, Ascend P1 S e Ascend D2
  • Sony: Sony Xperia Miro, Sony Xperia Neo L e Xperia Arc S
  • Outros: Alcatel One Touch Evo 7, Archos 53 Platinum, HTC Desire 500, Caterpillar Cat B15, Wiko Cink Five, Wiko Darknight, Lenovo A820, UMi X2, Faea F1 e THL W8.

Fonte: CNN

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Tecnologia

WhatsApp, Instagram e Facebook apresentam instabilidade nesta sexta

Usuários ao redor do mundo relataram dificuldades para visualizar o posts no Facebook e no Instagram e para enviar mensagens no WhatsApp nesta sexta-feira (19), por voltas das 14h.

Os três aplicativos pertencem à Meta, nome que substituiu o Facebook Inc. e agora é usado para se referir à marca responsável pelos produtos da companhia.

A falha durou cerca de 40 minutos e não foi generalizada – algumas pessoas conseguiram usar os serviços durante o período.

O site Downdetector, que reúne relatos de instabilidade, chegou a mostrar mais de 700 reclamações para o WhatsApp às 14h:

WhatsApp teve alta em notificações sobre falha nesta sexta-feira (19) — Foto: Reprodução/DownDetector

O Instagram, por sua vez, chegou a mais de 400 relatos de instabilidade:

Fonte: G1.

Continue Reading

Tecnologia

Pirelli lança pneu que veda o furo sozinho, produzido em Feira de Santana

A Pirelli apresentou atualizações para a linha Cinturato P7 e Scorpion, incluindo a série HT. No entanto, o destaque é uma nova tecnologia que veda furos sem a necessidade de intervenção externa.

O novo sistema, batizado de Seal Inside estará disponível em breve para diversos modelos da marca, abrangendo pneus de aro de 16 até 19 polegadas em 20 medidas distintas.

Diferentemente do que acontece com um pneu run flat, que pode rodar vazio por ter a carcaça do pneu mais resistente, o Seal Inside não precisa de uma roda específica e será mais barato, custando no máximo 15% a mais que um equipamento convencional – o run flat custa pelo menos 30% a mais.

Quando o objeto é removido, o material se move para o orifício, vendando a saída de ar. Com o Seal Inside, quando um pneu é perfurado, o material selante é incorporado ao objeto que causou o furo.

Produzida no Brasil, na fábrica de Feira de Santana, a tecnologia permite que o veículo continue rodando e evita a perda de pressão de ar dos pneus em casos de perfurações por um objeto de até 4 milímetros de diâmetro localizado na banda de rodagem, como um prego, por exemplo.

Quando o pneu é perfurado, imediatamente uma massa vedante incorpora-se ao objeto causador da perfuração, impermeabilizando todo o seu contorno, caso ele permaneça no pneu. Quando esse objeto é removido do pneu, a massa vedante é “arrastada” para o interior do orifício, selando a perfuração.

Fonte: Correio24horas.

Continue Reading

Tecnologia

Winity vence 1º lote do leilão do 5G e Brasil ganha nova operadora

A Winity II Telecom, ligada ao Patria Investimentos — líder em gestão de ativos alternativos na América Latina, arrematou por R$ 1,427 bilhão o primeiro lote na faixa de 700 MHz do leilão do 5G iniciado nesta quinta-feira (4/11) e que vai até amanhã. A faixa oferece internet de altíssima velocidade em todo o território nacional e, com a sua aquisição pela Winity, o Brasil ganha mais uma operadora de telecomunicação.

O lance ocorreu após Claro, Vivo e TIM arrematarem lotes na faixa de 3,5 GHz (gigahertz ), que é a principal do leilão, realizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). Além da Winity, que pagou valor 805% superior ao lance mínimo previsto no edital (de R$ 157 milhões), o leilão da faixa de 700 MHz teve lances de outras duas empresas, das 15 participantes do certame — NK 108, que ofereceu R$ 333 milhões pela faixa, e VDF, que ofereceu R$ 318 mi.

Vale destacar que, com a venda da Oi Móvel em um processo de recuperação judicial da operadora Oi, o Brasil passou a ter apenas três empresas autorizadas à prestação de serviços de telefonia móvel com abrangência nacional: Claro, TIM e Vivo. Com o arremate da faixa de 700 MHz do 5G, a Winity se juntará em breve ao grupo. Para isso, a operadora terá que cumprir algumas obrigações previstas no edital como levar internet a 31 mil quilômetros de rodovias federais e à localidades sem tecnologia 4G. A outorga de direito de uso da empresa para exploração do serviço é de 20 anos.

Winity

Criada há cerca de um ano pela Pátria Investimentos, a Winity é a nova plataforma de infraestrutura wireless do Patria, grupo que possui grande experiência em telecomunicações, para “desenvolver, construir e operar Infraestrutura Wireless, composta por ativos de redes de telefonia móvel, sistemas de cobertura indoor e novas tecnologias de conectividade wireless”, segundo informações oficiais do site da empresa.

Fonte: CorreioBraziliense.

Continue Reading

Siga-nos no Instagram:

Facebook

Mais Lidas