Connect with us

Polícia

Auxílio Emergencial: PF deflagra operação em duas cidades baianas por fraudes

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (25), a operação “Parcela Baiana”, visando combater fraudes ao Auxílio Emergencial, disponibilizado pelo Governo Federal à população carente em função da pandemia.

A “Parcela Baiana” tem os objetivos de identificar fraudes massivas e desarticular  organizações criminosas que atuam causando prejuízos ao programa assistencial. Os policiais federais lotados na Superintendência Regional da Polícia Federal na Bahia e no Posto Avançado de Feira de Santana, cumprem as medidas judiciais em Salvador e Coração de Maria, Portal do Sertão.

Segundo informações da polícia, são cumpridos três mandados de busca, quatro de afastamento de sigilo bancário e outros quatro de sequestros de bens – perfazendo um total de R$ 200 mil bloqueados por determinação judicial. As prisões temporárias não foram deferidas pela Justiça Federal.

Também de acordo com a PF, a ação é fruto do trabalho conjunto da Polícia Federal,Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, Caixa, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União, instituições que participam da Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE).

Os fatos estão sendo apurados em três inquéritos policiais diferentes, instaurados com base em trabalhos de análise e inteligência realizados por equipe especializada da PF, a partir de processos de contestação oriundos da Caixa Econômica Federal.

No aplicativo “Caixa Tem” da Caixa Econômica Federal, aproximadamente 90 contas do Auxílio Emergencial foram fraudadas, sendo transferidos imediatamente os valores depositados para contas vinculadas aos fraudadores e também para pagamentos de boletos bancários emitidos pelos próprios suspeitos, resultando num prejuízo de mais de R$ 90 mil.

Os envolvidos na operação estimam que a fraude seja maior, na medida em que os dados se referem a curtos períodos analisados, de no máximo 14 dias, entre maio a setembro de 2020, e apenas àquelas fraudes contestadas pelas vítimas. 

Somente com o avanço das investigações poderá  determinar o montante exato do desvio – bem como a eventual participação de outras pessoas. Os autores das fraudes responderão pelos crimes de furto qualificado mediante fraude, com pena de 2 a 8 anos de reclusão.

Fonte: BNews

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Polícia

Homem que matou servidora do Detran em 2017 é condenado a 20 anos de prisão

Quase quatro anos após o crime, em 2017, o homem que confessou ter matado a facadas a servidora do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA), Maridalva da Silva Gonçalves, foi condenado a 20 anos, dois meses e sete dias de prisão em regime fechado. O julgamento aconteceu na sexta-feira, 26, em Salvador.

Maridalva foi assassinada no dia 26 de dezembro de 2017, um dia após o Natal, pelo ex-companheiro, Jailson Santos Mendonça, que não aceitava o fim do relacionamento. Ela tinha 46 anos e foi morta na escadaria do Detran, enquanto chegava para trabalhar, na capital baiana.

Após o crime, Jailson Mendonça tentou cometer suicídio ingerindo uma substância tóxica (chumbinho), mas foi socorrido por policiais para o Hospital Geral do Estado (HGE), na avenida Vasco da Gama. Ele chegou a escrever um bilhete de despedida, que foi encontrado durante a sua custódia. Na época, testemunhas contaram à polícia que Maridalva estava sendo ameaçada por Jailson, mas não havia registrado ocorrência em uma unidade policial.

Segundo o G1, Jailson foi condenado em júri popular, por homicídio quadruplamente qualificado: motivo torpe; emprego de meio cruel; impossibilidade de defesa da vítima e feminicídio.

O criminoso vai responder na Penitenciária Lemos de Brito, localizada no Complexo Penitenciário da Mata Escura, no bairro de mesmo nome, em Salvador. Fonte: A Tarde

Continue Reading

Polícia

Motos são tomadas em assaltos em Laje e Mutuípe

Duas motocicletas foram tomadas em assaltos na noite desta sexta-feira (26), a primeira uma Honda Bros placa PKD6057, levada por criminosos na região da Rampa, município de Laje, a mesma moto foi usada para roubar outra, desta vez um Fan 150 de placa NZH1333, na cidade de Mutuipe.

Segundo informações passadas a este Mídia Bahia, o proprietário seguia da região do Pé de Serra para zona urbana pela BR-420, mas ao passar pelo Novo Ferro Velho, percebeu que estava sendo seguido, antes de chegar a cidade dois tiros foram disparados, momento em que ele perdeu a moto, mas proximidades de um posto de combustíveis na entrada da cidade.

A Polícia foi acionada, mas até então ninguém foi preso, nem os veículos localizados. (MídiaBahia)

Continue Reading

Polícia

Corpo de adolescente de 15 anos é encontrado em Simões Filho

De acordo com a Polícia Civil, o adolescente estava desaparecido desde a última segunda-feira (22), quando foi visto pela última vez no bairro de Valéria, na capital baiana.

De acordo com a família da jovem, Uilcon dos Santos Guimarães foi visto pela última vez andando de bicicleta na rua B13, cerca de 10 km de distância do local onde o corpo foi encontrado.

Segundo a Polícia Civil, o corpo estava em estado de decomposição e, por isso, a causa da morte ainda não foi identificada.

O corpo passará por perícia e a 22ª Delegacia Territorial (DT), de Simões Filho investiga o caso. (G1)

O corpo de um adolescente de 15 anos foi encontrado nesta sexta-feira (26), na Rua Santo Antônio Rio das Pedras, em Simões Filho, na região metropolitana de Salvador.

De acordo com a Polícia Civil, o adolescente estava desaparecido desde a última segunda-feira (22), quando foi visto pela última vez no bairro de Valéria, na capital baiana.

De acordo com a família da jovem, Uilcon dos Santos Guimarães foi visto pela última vez andando de bicicleta na rua B13, cerca de 10 km de distância do local onde o corpo foi encontrado.

Segundo a Polícia Civil, o corpo estava em estado de decomposição e, por isso, a causa da morte ainda não foi identificada.

O corpo passará por perícia e a 22ª Delegacia Territorial (DT), de Simões Filho investiga o caso. (G1)

Continue Reading

Siga-nos no Instagram:

Facebook

Mais Lidas